Di Biagio não fecha portas da Azzurra para Balotelli

Autor de 21 gols em 31 jogos na temporada, atacante não defende a Itália desde a Copa do Mundo de 2014

Balotelli defende o Nice, da FrançaBalotelli defende o Nice, da França - Foto: AFP

O técnico interino da Itália, Luigi Di Biagio, garantiu nesta segunda-feira (19) que as portas da seleção não estão fechadas para Mario Balotelli, que não é convocado pela "Azzurra" há quatro anos.

"Os números são muito importantes para os atacantes, mas precisam vir com algumas prestações", declarou Di Biagio em coletiva de imprensa.

"Estudei, avaliei e tomei uma decisão. Acho que é a escolha correta para mim e para o time. Por enquanto as coisas são assim, mas nada está fechado", acrescentou o treinador.

Para os amistosos contra Argentina e Inglaterra, dias 23 e 27 de março, Di Biagio convocou os atacantes Ciro Immobile (Lazio), Andrea Belotti (Torino) e Patrick Cutrone (AC Milan).

Autor de 21 gols em 31 jogos na temporada, Balotelli tinha chances de estar entre os relacionados de uma Itália em reconstrução. A tetra-campeã do mundo não se classificou para a Copa do Mundo da Rússia.

Di Biagio preferiu apostar no jovem Crutone, uma das revelações da temporada com o Milan. Balotelli não joga com a Azzurra desde a Copa do Mundo do Brasil 2014.

Veja também

Bahia, São Paulo e Vasco conhecem adversários da Copa Sul-Americana
Sulamericana

Bahia, São Paulo e Vasco conhecem adversários da Copa Sul-Americana

Com mais testes, elenco do Santa vai se pondo sob medida para o 'estilo Martelotte'
Santa Cruz

Com mais testes, elenco do Santa vai se pondo sob medida para o 'estilo Martelotte'