Diego Souza coloca Sport na justiça e cobra R$ 1 milhão

Ídolo da torcida leonina, o meia-atacante acionou o clube na justiça pelo não cumprimento de acordo firmado em 2017

DS87 deixou o dele contra o São Paulo, mas vai precisar repetir dose outras vezesDS87 deixou o dele contra o São Paulo, mas vai precisar repetir dose outras vezes - Foto: Anderson Stevens

Diego Souza, ídolo da torcida do Sport, acionou o clube na Justiça para cobrar R$ 1.040.046,58. O valor se refere aos últimos dois meses de salários de 2017, 13º salário e verbas rescisórias em relação a sua saída para o São Paulo. O processo, no qual a Folha de Pernambuco teve acesso, corre na 6ª Região do Tribunal Regional do Trabalho e tem audiência marcada para o dia 5 de fevereiro de 2020. O encontro ocorrerá na 14ª Vara do Trabalho do Recife.

O meia-atacante tinha acertado um acordo no qual o Sport pagaria 10 parcelas de R$ 66.848,76, ainda no final de 2017. Entretanto, o clube só quitou uma delas e abriu a possibilidade de o jogador acionar a Justiça. De acordo com o processo, O Leão ainda tinha uma margem de segurança de 40 dias de atraso, caso excedesse esse limite, o Sport teria uma multa de 20% do total do débito em aberto. Dessa forma, o atacante cobra R$ 721.966,58 (acrescido a multa). A notícia pegou o clube de surpresa. O presidente Milton Bivar afirmou que esperava um contato prévio para tentar fazer um acordo com os representantes do jogador.

"Fomos pegos de surpresa, pelo fato dele ter entrado na justiça na calada da noite, sem ter nos procurado antes para tentar um acordo, ou um parcelamento. Não precisaria nem ir para a justiça, devido a história que ele construiu aqui no clube. Mas, infelizmente, ele preferiu fazer dessa forma, e agora vamos aguardar. Vamos ver se conseguimos um acordo com os advogados do jogador antes da audiência em fevereiro", declarou o mandatário leonino à Folha de Pernambuco.

Segundo consta no processo, o Sport ainda tinha se comprometido a quitar as pendências do FGTS, Fundo de Garantia de Tempo de Serviço, do mês de outubro de 2018, ainda na gestão Arnaldo Barros. O valor cobrado é de R$ 78,080,00. Além disso, Diego Souza ainda cobra mais R$ 240.000,00, devido a multa ao artigo 477, § 8, da CLT, seja em relação ao atraso do pagamento do distrato, a partir da segunda parcela, ou da compensação financeira devida aos atrasos de salário do Sport. Por todas essas questões, o valor ultrapassou a “casa do milhão”.

Antes mesmo de o Sport garantir o acesso à Série A, o atleta voltou a virar objeto de desejo da torcida. As especulações ganharam força quando o pai do jogador foi visto na Ilha do Retiro em Sport 2x1, duelo que garantiu o retorno do Leão à Série A. Desde lá, os rubro-negros fazem uma mobilização, através das redes sociais, sonhando em ter atacante de volta à equipe.

Leia também:
Apesar da vontade da torcida, retorno de DS87 é improvável
Guto confirma chegada no Sport, que cogita volta de DS87

 

Veja também

Brasil sofre primeira derrota, mas avança no Mundial de Handebol
Handebol

Brasil sofre primeira derrota, mas avança no Mundial

Juíza acata pedido e Jonatan Gómez tem vínculo encerrado com o Sport
Sport

Juíza acata pedido e Jonatan Gómez tem vínculo encerrado com o Sport