Dignidade, a palavra de ordem

Mesmo com o Santa rebaixado para a Série B, jogadores querem honrar a camisa diante do Atlético Mineiro

O zagueiro Neris defenderá o Colorado em 2017O zagueiro Neris defenderá o Colorado em 2017 - Foto: Anderson Stevens

O rebaixamento do San­ta Cruz, para a Série B, já tinha o caráter de imi­nente há algumas rodadas no Brasileirão. A derrota no meio de semana, contra o Coritiba, confirmou o que já era esperado. Neste domingo, às 18h30, pela primeira vez, os Tricolores entrarão em campo, oficialmente, sem pretensões na competição. O tom dos discursos, no entanto, permanece o mesmo. Para enfrentar o Atlético/MG, diante de seu torcedor, no estádio do Arruda, os atletas corais permanecem pregando como motivação o fato de finalizar a competição com dignidade. Além disso, existe uma disputa particular com o também rebaixado América/MG para não terminar o torneio na lanterna.

O Santa Cruz entrará em campo na 19ª colocação, com 27 pontos - o mesmo número do América/MG, 20º no critério de desempate. O aproveitamento de 25,7% foi obtido com sete vitórias, seis empates e 22 derrotas. Como mandante, a equipe tem o pior desempenho entre os demais concorrentes, com seis vitórias, um empate e dez derrotas. Já o Atlético/MG não construiu sua campanha sendo um visitante tão indigesto. A equipe é a oitava melhor no quesito, com quatro vitórias, sete empates e seis derrotas. Na tabela de classificação, os mineiros viram se distanciar a possibilidade de título, e atualmente ocupam a quarta posição, com 61 pontos e 58,1% de aproveitamento.

Para o jogo, o técnico interino Adriano Teixeira não vai contar com o volante Derley, suspenso após ter recebido o terceiro cartão amarelo. Em compensação, o zagueiro Neris tem chances de retornar. Recuperado de caxumba, que o tirou do jogo contra o América/MG, zagueiro acabou ficando de fora da delegação que viajou para o Paraná para enfrentar o Coritiba, por opção da comissão técnica. Caso sua volta seja confirmada, a tendência é que Luan Peres retorne à reserva. Para ocupar a vaga de Derley, no meio de campo, os mais cotados são Marcílio ou Danilo Pires.

“O time está quase definido. Ainda vou definir o substituto de Derley, que está suspenso. Já o Neris tem chances de entrar. Passou uma semana treinando, mas ainda vou esperar para definir”, disse o treinador, pouco antes de relatar sua sensação em viver o segundo rebaixamento do Santa Cruz na Série A. “Pra mim, esse rebaixamento de 2016 foi mais difícil, pois não poderia entrar em campo para tentar mudar alguma coisa”, afirmou. Apesar de o jogo não representar muito para os corais, o treinador acredita em um bom resultado no domingo. “O Atlético/MG vai atuar com um time reserva, mas o adversário tem um grupo muito forte. Temos que ter atenção”.

Ficha Técnica

Santa Cruz
Tiago Cardoso; Vítor, Neris (Luan Peres), Danny Morais e Roberto; Marcílio (Danilo Pires), Jadson, João Paulo e Léo Moura; Keno e Grafite. Técnico: Adriano Teixeira

Atlético/MG
Giovanni, Marcos Rocha, Jesiel, Edcarlos e Leonan; Rafael Carioca, Cícero, Cazares e Carlos Eduardo; Clayton e Hyuri. Técnico: Marcelo Oliveira

Local: Estádio do Arruda, no Recife
Horário: às 18h30 (do Recife)
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhaes (RJ)
Assistentes: Rodrigo Henrique Correa/FIFA e Dibert Pedrosa Moises (Ambos do RJ)
Transmissão: Premiere FC e SporTV

Veja também

CBF e clubes mantêm proibição de torcedores em jogos do Brasileirão
Protocolo

CBF e clubes mantêm proibição de torcedores em jogos do Brasileirão

Em jogo movimentado, Afogados perde por 2x0 para o Campinense
Série D

Em jogo movimentado, Afogados perde por 2x0 para o Campinense