Tênis

Djokovic vence Khachanov e vai às semifinais de Roland Garros

Pouco inspirado, sérvio precisou virar o jogo para avançar de fase

Djokovic celebra classificação às semifinais de Roland GarrosDjokovic celebra classificação às semifinais de Roland Garros - Foto: Emmanuel DUNAND / AFP

O sérvio Novak Djokovic, número 3 do mundo, se classificou para as semifinais de Roland Garros nesta terça-feira (6), ao derrotar o russo Karen Kachanov (11º).

Mesmo com uma atuação pouco inspirada, Djokovic conseguiu uma virada para fechar o jogo em 3 sets a 1, com parciais de 4-6, 7-6 (7/0), 6-2 e 6-4, em três horas e 38 minutos.

Esta será a 12ª semifinal do sérvio em Paris, que agora espera o vencedor do duelo entre o número 1 do mundo, o espanhol Carlos Alcaraz, e o grego Stefanos Tsitsipas (5º) para conhecer seu próximo adversário.

"Acho que fui melhor nos dois primeiros sets. Comecei o jogo muito lento, mas fiz um 'tie break' perfeito, então elevei o nível. Foi uma grande batalha, o que era esperado nas quartas de final de um Grand Slam", comentou Djokovic depois da partida.

O jogo mudou completamente depois do 'tie break' do segundo set. O sérvio ainda não tinha conseguido nenhuma quebra na partida, mas na "hora da verdade" se transformou e atropelou o russo por 7-0.

Até então, 'Nole' estava irreconhecível, sem iniciativa e cometendo muitos erros.

"Foi o ponto de inflexão do jogo. Ganhar ou perder o segundo set faria a diferença. Provavelmente foram dois jogos diferentes dentro de um. Os dois primeiros sets foram os piores que eu joguei até agora no torneio, enquanto o terceiro e o quarto foram muito bons", analisou o sérvio na entrevista coletiva pós-jogo.

Depois de empatar o duelo, Djokovic foi recuperando o brilho, jogando um tênis mais agressivo e dificultando a vida de Kachanov, que sofreu a virada depois de ter o saque quebrado duas vezes no terceiro set.

O russo ainda ofereceu um pouco de resistência no quarto set, mas com 4-4 no placar, sofreu mais uma quebra de serviço e abriu caminho para Djokovic fechar o jogo com um 'ace'.

"É importante vencer um jogo em que não se está bem. Agora tenho dois dias de descanso, o que é bom para recuperar toda a energia física possível e dar tudo na sexta-feira", avisou o sérvio sobre as semifinais.

Veja também

Real Madrid revela vitória na Justiça em caso de ofensa racista online a Vinícius Júnior
Racismo

Real Madrid revela vitória na Justiça em caso de ofensa racista online a Vinícius Júnior

Náutico tem segunda melhor sequência invicta da Série C 2024
Futebol

Náutico tem segunda melhor sequência invicta da Série C 2024

Newsletter