Dudu busca recuperar espaço entre titulares

Autor do gol da vitória frente o Imperatriz/MA, atacante quer retomar seu espaço no time titular do Tricolor

Dudu deve ser acionado mais uma vez por Milton MendesDudu deve ser acionado mais uma vez por Milton Mendes - Foto: Marlon Costa/Futura Press/Folhapress

Sem poder contar com Celsinho por algumas semanas, devido a uma lesão de grau 2 na coxa esquerda do meia, o técnico Milton Mendes deve apostar em Dudu, mais uma vez, na partida contra o Confiança/SE, que acontece neste domingo, no Arruda. Autor do gol da vitória frente o Imperatriz/MA, o atacante busca recuperar seu espaço no time titular. Assim como o companheiro de equipe, ele também ficou de molho por um mês, depois de ter um estiramento na coxa direita, contra o Fluminense.

“É sempre ruim estar machucado. Mas voltei bem, é bom estar jogando. Pude ajudar com um gol que nos deu a vitória. O Milton chegou e está nos incentivando no dia a dia, vem dando tudo certo”, afirmou o atleta coral.

Leia também:
Dudu agradece a Milton, e pode ganhar sequência no Santa

Apesar de ser atacante, Dudu entrou em campo no último final de semana com a camisa 10. Com a função de ajudar na criação, ele garante não se sentir incomodado por atuar em uma posição que não estava habituado. “O professor perguntou por onde eu preferia jogar. Se por dentro, por fora... Falei para ele que não tinha preferência. Estou sempre pronto para ajudar e acabei sendo feliz”, ressaltou.

Ex-Náutico, Dudu comparou a situação que viveu no clube da Rosa e Silva com a que presenciou neste início de Série C, pelo Tricolor. Em 2018, o Timbu ficou na zona da degola da competição entre a 2ª e a 9ª rodada - na 7ª, Márcio Goiano assumiu o time, levando-o ao mata-mata. Pelo Santa Cruz, até a chegada de Milton Mendes às vésperas da 5ª rodada, a Cobra Coral não sabia o que era vencer no certame, e deu um salto na tabela depois de duas vitórias consecutivas sob o comando do novo técnico.

“A Série C é muito difícil. Se você está lá em cima, uma derrota pode te jogar para baixo. No Náutico, a situação foi um pouco pior, pois ficamos muito tempo na zona de rebaixamento, até evoluirmos com a chegada do Márcio. Aqui também foi complicado. Mas começamos a ganhar e vamos continuar trabalhando para seguir no G4”, falou Dudu.

Veja também

Conmebol define datas de rodada tripla das Eliminatórias em outubro
Eliminatórias

Conmebol define datas de rodada tripla das Eliminatórias em outubro

Sem lesão, Sabino viaja e reforça Sport contra o Galo
Sport

Sem lesão, Sabino viaja e reforça Sport contra o Galo