Elenco campeão em 87 tinha perfis que se completavam

Grupo que conquistou título brasileiro 30 anos atrás se notabilizou por apresentar características complementares

O estado de imortalidade é algo irreal para a raça humana. Sonho impossível, mas, nem por isso, menos desejado. Mesmo assim, não são poucas as vezes que tal adjetivo passou a ser usado para elevarmos pessoas a um nível especial. No dia 7 de fevereiro de 1988, onze homens conseguiram, através de esforços próprios, alcançar aquilo que muitos levam uma vida inteira e nem perto chegam. Betão, Estevam, Flávio, Rogério, Marco Antônio, Zé Carlos Macaé, Robertinho, Ribamar, Nando, Zico e Neco.

Leia também:
Brasileirão-87 virou obsessão de apaixonados pelo Sport
[Vídeo] Torcedores relembram Sport de 87 em especial

Um a um, cada um deles tem hoje os seus nomes eternizados na história do Sport Club do Recife. A conquista máxima do clube foi escrita com suas assinaturas, conforme apresenta Esportes no último dia do especial "Geração 87". E mesmo que suas trajetórias não tenham sido tão brilhantes, pós-título de 1987, ou que os rivais tentem desmerecer o feito, vencido no campo e na Justiça. O torcedor rubro-negro reconhece suas respectivas importâncias. Por isso que é tão sonoro o grito de “87 é nosso” ecoado na Ilha do Retiro. Esta frase tem alma. Imortais, sim, eles serão, porque nela sempre viverão.

 Em pé, da esquerda para a direita: Marco Antonio, Flávio, Estevam Soares, Betão, Rogério e Zé Carlos Macaé. Agachados: Robertinho, Ribamar, Nando, Zico e Neco

Em pé, da esquerda para a direita: Marco Antonio, Flávio, Estevam Soares, Betão, Rogério e Zé Carlos Macaé. Agachados: Robertinho, Ribamar, Nando, Zico e Neco - Foto: Arquivo pessoal

Flávio
Nome: Flávio Barros Bruno da Silva
Posição: Goleiro
Nascimento: 13 de janeiro de 1966
Característica no grupo: Oriundo das categorias de base do Sport, contava com a confiança de todos do elenco. Aos poucos, com a aposentadoria de Leão, ganhou o espaço como titular. Segundo alguns companheiros, costumava transmitir uma imagem de “experiente demais”, apesar de jovem à época.
Atualmente: Trabalha com escolinhas de futebol

Betão
Nome: Roberto Taylor dos Santos Moraes
Posição: lateral-direito
Nascimento: 4 de fevereiro de 1963
Característica no grupo: Se destacava no elenco pela qualidade técnica. Apoiava e defendia muito bem. Costumava comprar briga pelos companheiros, tanto dentro quanto fora de campo. Também era reconhecido por ser bastante descontraído.
Atualmente: Gerente de esportes de uma loja de artigos esportivos, no Tatuapé, em São Paulo.

Estevam Soares
Nome: Estevam Eduardo Lemos Soares
Posição: zagueiro
Nascimento: 10 de junho de 1956
Característica no grupo: Era visto como o xerifão. Sempre havia a impressão que ele estava “com raiva, o tempo todo”, segundo alguns companheiros. Não brincava nem em treino e, muito menos, no jogo. Costumava ler bastante e era reservado.
Atualmente: treinador de futebol

Xerifão, Estevam não era de brincadeiras

Xerifão, Estevam não era de brincadeiras - Foto: Rafael Furtado/Arquivo Folha

Marco Antônio
Nome: Marco Antônio Paes dos Santos
Posição: zagueiro
Nascimento: 20 de agosto de 1963
Característica no grupo: Era um dos mais tímidos do elenco. Muito calado, sempre procurava ficar mais na dele. Era respeitado pela qualidade técnica, destacada por ser um “zagueiro bom tanto por cima quanto no um contra um”. Foi o autor do gol da vitória por 1x0 sobre o Guarani, que garantiu o título de 1987.
Atualmente: Formado em Educação Física, atualmente trabalha no projeto Mais Esportes, em Araraquara, Interior de São Paulo.

Zé Carlos Macaé
Nome: José Carlos Pereira da Silva
Posição: lateral-esquerdo
Nascimento: 21 de agosto de 1959
Característica no grupo: Um dos que mais se cobrava tecnicamente no elenco. Sempre que podia, gostava de atacar. Não eram poucas as vezes que pedia para os companheiros cobrirem suas subidas em campo para se arriscar na frente.
Atualmente: Faleceu em um acidente de carro na Serra das Russas, no Agreste do Estado, em 1988.

Rogério
Nome: Rogério de Oliveira Petersburgo
Posição: meia
Nascimento: 25 de outubro de 1963
Característica no grupo: Conhecido como “o palhaço” do elenco, estava brincando com os companheiros sempre que possível. “Não tinha tempo ruim”, segundo os outros colegas. Mesmo que um jogo estivesse difícil, tentava tranquilizar os outros jogadores com piadas. Apesar de toda essa característica, nunca deixou de demonstrar seriedade em momentos importantes.
Atualmente: Comentarista esportivo

Ribamar
Nome: Ribamar José Diniz
Posição: Meia
Nascimento: 10 de novembro de 1962
Característica no grupo: Ora brincalhão, ora sério. Tinha os momentos dele. Mas era considerado um craque no elenco. Tanto que muitos atletas afirmaram que “corriam para ele”.
Atualmente: Tem uma escolinha de futebol

Zico
Nome: Jair Theodoro dos Santos
Posição: meia
Nascimento: 18 de agosto de 1963
Característica no grupo: Dividia com Ribamar a responsabilidade de ser uma referência técnica no time. Ambos, inclusive, tinham personalidades parecidas, segundo os companheiros.
Atualmente: A última informação sobre o ex-jogador era que ele estava desempregado.

Robertinho
Nome: Roberto Oliveira Gonçalves do Carmo
Posição: atacante
Nascimento: 22 de junho de 1960
Característica no grupo: Considerado um pai para muitos dos garotos do elenco, sobretudo os oriundos das categorias de base. Tentava transmitir experiência, acumulada na carreira de jogador. Assim, sempre que possível, chamava algum dos atletas mais jovens e conversava sobre os aspectos do jogo.
Atualmente: Treinador de futebol

Nando
Nome: Fernando Vital Barros
Posição: atacante
Nascimento: 19 de outubro de 1965
Característica no grupo: Introvertido, destacava-se na função de atacante por costumar finalizar bastante. Foi outro atleta que subiu das categorias de base do Leão.
Atualmente: Trabalha em uma faculdade de Aracaju, Sergipe.

Neco
Nome: Manoel Carlos de Luna Filho
Posição: Atacante
Nascimento: 08 de fevereiro de 1964
Característica no grupo: Apontado como o "bombeiro" do elenco, sempre estando à disposição para “apagar o fogo durante os jogos”. Já demonstrava, à época, um perfil de treinador. Apesar da pouca idade, costumava dar dura até nos mais experientes do elenco.
Atualmente: Treinador de futebol

Sport homenageou heróis em maio de 2017

Sport homenageou heróis em maio de 2017 - Foto: Paullo Allmeida/Arquivo Folha

Outros atletas do elenco:

Ademir Lobo - Meia
Ademir de Jesus Lobo
20/07/1957

Antônio Carlos - Atacante
Antônio Carlos Develis
21/12/1965

Augusto - Meia
Augusto Cândido Souza de Alencar
01/07/1967

Cláudio - Zagueiro
Cláudio Ronald Ferreira Monte
13/01/1964

Cléber - Zagueiro
Cléber Manoel das Chagas Neves
26/05/1965

Edmílson - Atacante
Edmílson Paulo da Silva
16/04/1968

Elinaldo - Meia
Elinaldo Gomes Ferreira
18/11/1965

Pitico - Atacante
Manoel Inácio da Silva Filho
01/07/1963

Márcio - Goleiro
Márcio Barros Melo
23/07/1967

Disco - Meia
Valdemir Francisco de Moura
26/12/1963

 

Veja também

Alemanha volta a proibir presença de público em eventos esportivos
Covid-19

Alemanha volta a proibir presença de público em eventos esportivos

Neymar sente lesão durante jogo do PSG pela Liga dos Campeões
Futebol

Neymar sente lesão durante jogo do PSG pela Liga dos Campeões