Copa do Brasil

Em jogo emocionante, Petrolina vence Cascavel-PR e vai à segunda fase da Copa do Brasil

Adversário do time pernambucano será o Sousa, que eliminou o Cruzeiro na semana passada

Taça da Copa do BrasilTaça da Copa do Brasil - Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Quem foi ao estádio Paulo Coelho, no Sertão pernambucano, na noite desta quarta-feira (28), viu um feito e tanto. Em sua primeira participação na Copa do Brasil, o Petrolina precisava vencer o Cascavel-PR para seguir vivo no certame. E assim foi feito. Em confronto emocionante, a Fera Sertaneja bateu a equipe paranaense por 3x2, e garantiu vaga na segunda fase do mata-mata nacional, além de R$ 945 mil como premiação.

Na próxima fase, o adversário do Petrolina será o Sousa, fora de casa, com data ainda a ser definida. A equipe paraibana derrotou o Cruzeiro, por 2x0, na semana passada.

O jogo 

O Petrolina foi para o intervalo em vantagem, mas o primeiro tempo foi de boas chances para ambos os lados no Sertão pernambucano. Desde o apito inicial do árbitro, o Cascavel pressionou a saída de bola da Fera Sertaneja, no intuito de forçar o erro adversário. Porém, a primeira grande oportunidade foi do time da casa. Aos dez, Douglas quase marcou de bicicleta. Mais tarde, o camisa 9 e Emerson Galego assustaram em finalizações perigosas.

O Cascavel, por sua vez, também deu trabalho ao sistema defensivo tricolor. No entanto, os poucos chutes que foram em direção à meta, foram defendidas sem dificuldades por Alan. 

A abertura do placar aconteceu já na reta final da etapa inicial. Aos 42 minutos, Kiros aproveitou cruzamento e subiu de cabeça para colocar o Petrolina em vantagem.

Vaga quase fica pelo caminho

Na volta do intervalo, o técnico William Lima sacou Kiros e acionou Everton Felipe na partida. E logo na primeira participação no jogo, aos dois minutos, o camisa 19 foi oportunista para deixar o Petrolina ainda mais perto da segunda fase. 

Apesar da vantagem no placar, o Petrolina por pouco não viu a classificação escorrer pelos dedos. Com gols de Eduardo Junho, aos 17 minutos, e Vitinho, aos 32, o Cascavel igualou o placar e ficou próximo da vaga. Contudo, aos 48 jogados, Emerson Galego aproveitou falta cobrada para a área e cabeceou para marcar o gol da classificação sertaneja. Na comemoração, o camisa 11 recebeu o segundo amarelo e acabou expulso. 

Veja também

Torcida faz festa no Ibirapuera, mas Bia Haddad abre duelo com Alemanha com derrota
Tênis

Torcida faz festa no Ibirapuera, mas Bia Haddad abre duelo com Alemanha com derrota

CBF desmembra tabela e Náutico conhece datas e horários de oito primeiros jogos da Série C; confira
Náutico

CBF desmembra tabela e Náutico conhece datas e horários de oito primeiros jogos da Série C; confira

Newsletter