Esportes

Em livro, pesquisadora aborda presença feminina no futebol

“Mulheres no campo: o ethos da torcedora pernambucana”, da recifense Soraya Barreto, será lançado nesta segunda (27)

Soraya Barreto é pesquisadora e doutora em ComunicaçãoSoraya Barreto é pesquisadora e doutora em Comunicação - Foto: Marbson Alves/Divulgação

A paixão por futebol e o incômodo com a pouca visibilidade da mulher na modalidade levaram a pesquisadora e escritora pernambucana Soraya Barreto a fazer um diagnóstico sobre a presença das garotas nos estádios de futebol do Estado. No livro intitulado “Mulheres no campo: o ethos da torcedora pernambucana”, Soraya assinala o espaço ocupado por elas nas arquibancadas, os fatores que as levam aos estádios e as mudanças de comportamento entre gerações. A publicação será lançada nesta segunda-feira (27), no espaço SinsPire, na Rua da Guia, 237, no Bairro do Recife.

Para construir a pesquisa, um total de 500 mulheres, frequentadoras dos estádios de futebol em Pernambuco, responderam perguntas específicas. Algumas foram entrevistadas nos próprios estádios. Outras responderam ao questionário pela internet. No livro, além dos dados apurados em sua pesquisa, Soraya aborda ainda o processo evolutivo das mulheres no futebol. Cita, entre outras coisas, o surgimento de grupos e movimentos de torcedoras, como as Timbuzeiras, o Elas e o Sport e o Movimento Coralinas.

“Como sócia e torcedora, ainda não me sinto contemplada. Sinto que há pouca atenção, apatia da direção com a torcida feminina, com o futebol feminino… As meninas do Elas e o Sport e as Coralinas me falaram que já têm uma participação mais ativa nos clubes, que há uma melhora. Mas é só o início. Os dados apontam para o descortinar de um novo cenário no que diz respeito à participação das mulheres enquanto consumidoras de futebol. As falas das torcedoras, bem como as análises, ajudaram a demonstrar o quão essa relação é enviesada por questões que dialogam com a resistência, quebra de padrões naturalizados e tensionamentos”, pontuou Soraya.

Leia também:
Donas da bola: cresce número de peladas femininas no Recife

Parcerias
A pesquisa foi realizada no âmbito do OBMIDIA UFPE (Observatório de mídia: Gênero, Democracia e Direitos Humanos da UFPE) e o lançamento conta com a parceria do SinsPire.

Veja também

Casamento de ex-Spice Girl e chefão da F1 está em crise após vazamento de mensagens com funcionária
Fórmula 1

Casamento de ex-Spice Girl e chefão da F1 está em crise após vazamento de mensagens com funcionária

Lakers sofrem, mas vencem Wizards na prorrogação; LeBron se aproxima de marca histórica
NBA

Lakers sofrem, mas vencem Wizards na prorrogação; LeBron se aproxima de marca histórica