Automobilismo

Em primeiro treino oficial da F1 em Mugello, Bottas lidera e Hamilton sofre

Prova marca a milésima corrida da Ferrari na categoria e é a primeira de uma sequência de corridas que não estavam no calendário original da temporada

Bottas, piloto da MercedesBottas, piloto da Mercedes - Foto: Lars Baron/Pool/AFP

Valtteri Bottas, da Mercedes, começou o final de semana da Fórmula 1 na frente, em um circuito novo para a categoria, em Mugello, na Itália. Batizada de GP da Toscana, a prova marca a milésima corrida da Ferrari na categoria e é a primeira de uma sequência de corridas que não estavam no calendário original da temporada, mas tiveram que ser adicionadas para repor outros GPs que tiveram que ser cancelados.

E o finlandês mostrou a força dos carros atuais da categoria, batendo o recorde anterior da pista, que era amplamente usada pela Ferrari para testes nos anos 2000, antes dos testes privados serem proibidos: a melhor marca era ainda de Rubens Barrichello, em 2004, mas o tempo de Bottas de 1min17s879 já é quase um segundo mais rápido que o antigo recorde do brasileiro, e a expectativa é de que os tempos caiam significativamente até a classificação.



Em uma pista de alta velocidade, os carros estavam superando os 326km/h e fazendo a maioria das curvas do circuito a mais de 200km/h. No primeiro treino livre, Max Verstappen, que alugou um carro de GT para testar na pista algumas semanas atrás, andou perto de Bottas e foi apenas 48 milésimos mais lento, enquanto Lewis Hamilton, que nunca andou no circuito, pareceu sofrer mais e foi apenas o quarto colocado, 530 milésimos atrás do companheiro de Mercedes.

Andando na casa da Ferrari e usando uma pintura especial para celebrar os 1000 GPs da Ferrari, Charles Leclerc surpreendeu e se colocou em terceiro. Como os carros usam configurações de asa que geram mais pressão aerodinâmica, o que deve fazer com que o desempenho da Scuderia seja melhor do que nas últimas duas provas, em que Leclerc e Sebastian Vettel não conseguiram sequer se classificar no top 10.

Os carros voltam à pista de Mugello a partir das 10h da manhã, para a segunda sessão de treinos livres, quando a temperatura da pista deve estar ainda mais alta. No primeiro treino, ela superou 42ºC.

Confira a classificação do 1º treino livre do GP da Toscana

1º Valtteri Bottas (FIN/Mercedes) - 1min17s879
2º Max Verstappen (HOL/Red Bull) - +0s048
3º Charles Leclerc (MON/Ferrari) - +0s307
4º Lewis Hamilton (ING/Mercedes) - +0s530
5º Pierre Gasly (FRA/AlphaTauri) - +0s797
6º Esteban Ocon (FRA/Renault) - +0s926
7º Daniil Kvyat (RUS/AlphaTauri) - +0s960
8º Lando Norris (ING/McLaren) - +1s102
9º Alex Albon - (TAI/Red Bull) +1s189
10º Daniel Ricciardo (AUS/Renault) - +1s261
11º Kimi Raikkonen (FIN/Alfa Romeo) - +1s340
12º Romain Grosjean (FRA/Haas) - +1s345
13º Sebastian Vettel (ALE/Ferrari) - +1s388
14º Carlos Sainz (ESP/McLaren) - +1s443
15º George Russell (ING/Williams) - +1s578
16º Antonio Giovinazzi (ITA/Alfa Romeo) - +1s599
17º Kevin Magnussen (DIN/Haas) - +1s672
18º Lance Stroll - (CAN/Racing Point) +1s957
19º Sergio Perez (MEX/Racing Point) - +1s961
20º Nicholas Latifi (CAN/Williams) - +2s155

Veja também

Defesa de Carol Solberg recorrerá de advertência por 'fora, Bolsonaro'
Manifestação

Defesa de Carol Solberg recorrerá de advertência por 'fora, Bolsonaro'

Champions League abre nova década com favoritismo espanhol no passado
Futebol

Champions League abre nova década com favoritismo espanhol no passado