Enquanto eles caem, o Náutico cresce

Aproveitamento do time vem subindo nas últimas rodadas, diferente de seus concorrentes

Jogadores festejam gol junto à torcida do NáuticoJogadores festejam gol junto à torcida do Náutico - Foto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco

“O melhor entre os atuais piores”. Esse não é um slogan tão atrativo e passa a impressão de ser mais um prêmio de consolação do que um elogio. Em contrapartida, todos os maiores feitos começam com conquistas pequenas. O Náutico se apega a isso para seguir confiante em uma reação na Série B 2017. Na 19ª posição, com 20 pontos, a equipe tem cinco de diferença para o Goiás (16º). É a menor distância já alcançada para fugir da zona de rebaixamento desde a sexta rodada (na ocasião, a diferença era de quatro pontos). Outro dado deixa os alvirrubros ainda mais otimistas. Nas últimas cinco rodadas, o Timbu teve o melhor aproveitamento entre os times que brigam para não cair.

Com três vitórias e duas derrotas, o Náutico teve um desempenho de 60%. Todos esses jogos, inclusive, foram com o técnico Roberto Fernandes. A equipe ganhou todas em casa, contra Luverdense, Figueirense e Brasil Pelotas, mas perdeu duas partidas como visitante, diante de América/MG e Ceará.

O Goiás, atual 16º colocado, com 25 pontos, é o primeiro fora do Z4. O Esmeraldino somou apenas dois pontos nos últimos 15 em disputa, com um desempenho de 13,3%. O Figueirense, com a mesma pontuação, somou oito, com um aproveitamento de 53,3%. Com um empate e quatro derrotas, o Santa vem caindo drasticamente. Conquistou apenas 6,6% dos pontos em disputa, saindo da 15ª para a 18ª colocação, com 24. O ABC tem a mesma média de pontos ganhos do Tricolor nesse período e permanece no último lugar, com 17.

Leia também:
Náutico quer anunciar reforços até a próxima quinta-feira
Náutico prega pés no chão após bom momento

O Náutico tem ainda, nesse enfoque dos últimos cinco jogos, a quinta melhor sequência da competição, ficando atrás apenas de Vila Nova, Paraná e Oeste, todos com (66,6%), além do Internacional (80%). Considerando a média geral de pontos dos clubes nas 23 rodadas disputadas na Segundona, o Náutico tem atualmente um desempenho compatível com um time que poderia brigar pelo G4 - o quarto colocado, Ceará, tem aproveitamento de 53,6% dos pontos.

Os jogadores do Náutico não escondem que o ambiente do clube melhorou após esse início de reação, mas pregam humildade para não perder o foco. “Estamos próximos de conseguir nosso objetivo (sair da zona), mas ainda não conquistamos nada. Estamos com os pés no chão”, afirmou o meia Giovanni. O Timbu volta a campo no sábado, para encarar o Oeste (8º colocado), na Arena Barueri, pela 24ª rodada.

Veja também

Sport promove primeira Copa de Basquete Feminino
Basquete

Sport promove primeira Copa de Basquete Feminino

Destaque contra o Bahia, Ewerthon vê Sport se livrando da queda: 'vamos ganhar três ou quatro'
Sport

Destaque contra o Bahia, Ewerthon vê Sport se livrando da queda: 'vamos ganhar três ou quatro'