SANTA CRUZ

Esboço coral é trabalhado, mas sem fugir do “padrão”

Há 99% de chances de cairmos, mas iremos dar o nosso melhor até o final

.. - Foto: Reprodução do Facebook

 

Na primeira vez em que foi ouvido, já como técnico interino do Santa Cruz, Adriano Teixeira deixou clara as suas intenções: “A gente vai desenhar a equipe dentro do que pensamos. Vou montar o time como quero. Mas não podemos fugir muito do padrão que já vinha sendo trabalhado”. Ontem, o primeiro esboço do que ele deseja para a equipe coral foi trabalhado, com foco na partida do próximo sábado, diante do Internacional, no estádio do Arruda. A primeira novidade: Léo Moura poderá voltar a fazer uma função ofensiva na equipe; Vítor seria o titular na direita.

Quando chegou ao Arruda, Léo Moura afirmou que o meio de campo era o seu novo habitat. Com o técnico Milton Mendes, o jogador foi testado na função - principalmente pela escassez de especialistas no setor. Mas o futebol não foi vistoso e o atleta acabou parando no banco de reservas. A oportunidade de ser escalado na lateral direita surgiu com a contusão de Vítor. O retorno às origens fez o desempenho de Léo Moura melhorar consideravelmente. Tanto que o jogador chegou a figurar entre os melhores do elenco nos quesitos assistências e passes certos.

A possibilidade de Léo Moura atuar no meio de campo, no entanto, segue aberta. Isso porque, durante os trabalhos de ontem, Adriano Teixeira recolocou o jogador na lateral direita, em outra oportunidade, e mandou Artur assumir a posição na criação. Caso esta segunda opção seja a escolhida, o atacante volta à titularidade após cumprir suspensão contra o Botafogo. Diante dos cariocas, o escolhido foi Marion. Quem não atuará sábado é o volante Uillian Correia. O jogador está preventivamente suspenso após ser pego no exame antidoping. Jadson assumiu a vaga.

Quem não pôde participar das movimentações de ontem foi o zagueiro Danny Morais. Assim como o argentino Pisano, o defensor contraiu caxumba. Já é certeza que ele não poderá atuar contra o Internacional. Sendo assim, a dupla de zaga deverá ser formada por Neris e Luan Peres. “Aqui no Santa Cruz, ainda não tive a oportunidade de atuar ao lado de Neris. Mas reconheço a sua capacidade técnica. E eu vou aproveitar essa oportunidade dada pelo professor Adriano”, disse Luan Peres. “Há 99% de chances de cairmos, mas iremos dar o nosso melhor até o final. Gostei da cidade, da torcida e do clube.”

Vale lembrar que Neris era dúvida para o jogo por conta de uma contusão na coxa. Assim como ele, Grafite também corria o risco de não atuar. Mas, ontem, ambos ficaram à disposição de Adriano Teixeira e devem ser titulares.

 

Veja também

Palmeiras se irrita e vê silêncio gerar conflito após 2 semanas sem técnico
Futebol

Palmeiras se irrita e vê silêncio gerar conflito após 2 semanas sem técnico

Náutico perto de acerto com Fernando Leite, executivo de futebol
Futebol

Náutico perto de acerto com Fernando Leite, executivo de futebol