Espanha derrota Itália por 3x0 e fica perto de vaga na Copa

Espanhóis chegam a 19 pontos, três a mais do que os italianos, vice-líderes do Grupo G

Isco, do Real Madrid, fez dois gols e foi o destaque do jogoIsco, do Real Madrid, fez dois gols e foi o destaque do jogo - Foto: Gabriel Bouys/AFP

A Espanha deu um enorme passo rumo à Copa do Mundo da Rússia-2018 ao derrotar por 3x0 a Itália, com direito a dois gols do meia Isco, em partidas das eliminatórias europeias disputada no estádio Santiago Bernabéu, em Madri.

Isco abriu o placar com uma linda cobrança de falta da entrada da área, aos 13 minutos de jogo, e ampliou o placar aos 40 com um chute rasteiro de canhota, sem chances para o goleiro Gianluigi Buffon. Aos 32 do segundo tempo, o atacante Álvaro Morata selou a vitória espanhola.

A vitória consolida a Espanha na liderança isolada do Grupo G das eliminatórias com 19 pontos, três a mais que os vice-líderes italianos, a três rodadas para o fim da fase de grupos. Somente o primeiro colocado garantirá vaga direta na Rússia.

A Espanha acabou conseguindo impor sua qualidade no meio de campo, onde teve o controle do jogo, e o talento individual de jogadores como Isco, Iniesta e Asensio fizeram a diferença.

No segundo tempo, quando já perdia por 2x0, a Itália se lançou ao ataque em busca de uma reação e chegou a assustar o gol de De Gea, mas sofreu para segurar os contra-ataques armados pela Espanha.

O gol de Morata pôs fim à tentativa de reação dos italianos. O atacante do Chelsea aproveitou cruzamento rasteiro perfeito do zagueiro Sergio Ramos, que apareceu na ponta direita do ataque, para fechar a conta, para delírio da torcida local.

Em outros jogos do Grupo G disputados neste sábado, a Albânia (3ª, 12 pontos) venceu Liechtenstein (6º, nenhum ponto) por 2x0 e manteve vivo o sonho de brigar pela segunda colocação, que dá direito a disputar a repescagem das eliminatórias. Já a Macedônia superou Israel por 1x0 em jogo para cumprir tabela.

- Sérvia e Ucrânia seguem na briga -

No Grupo D, quem se aproximou da vaga na Copa do Mundo foi a Sérvia, que venceu a Moldávia, lanterninha da chave, por 3x0 em Belgrado.

Os sérvios (15 pontos), ausentes da Copa do Mundo do Brasil-2014, iniciaram a rodada empatados em pontos com a segunda colocada Irlanda, que agora se distanciou a dois pontos depois do decepcionante empate em 1x1 com a Geórgia (5ª, 4 pontos).

O tropeço irlandês também favoreceu ao País de Gales (3º com 11 pontos), que se aproximou da vice-liderança graças à vitória por 1 a 0 sobre a Áustria (4ª, 8 pontos).

No Grupo I, a Croácia (2ª, 13 pontos) ficou em campo por 25 minutos diante de Kosovo, mas as fortes chuvas que castigaram Zagreb obrigaram a partida a ser suspensa quando o placar apontava empate sem gol. O duelo será reiniciado neste domingo, anunciou a Fifa.

A Ucrânia (1ª, 14 pontos) aproveitou a situação croata para assumir a liderança da chave, graças à vitória por 2 a 0 sobre a Turquia (4ª, 11 pontos), com dois gols de Andrei Yarmolenko.

A decepção do dia neste grupo foi a Islândia, que caiu do segundo para o terceiro lugar (13 pontos) e complicou suas chances de classificação à Copa, após perder por 1 a 0 para a Finlândia (5ª, 4 pontos), uma equipe que não havia vencido na competição até então.

Veja também

Sem vencer fora há mais de três meses, Sport também vive jejum contra Corinthians
Sport

Sem vencer fora há mais de três meses, Sport também vive jejum contra Corinthians

Brasil sofre primeira derrota, mas avança no Mundial de Handebol
Handebol

Brasil sofre primeira derrota, mas avança no Mundial