Etíope vence São Silvestre na arrancada final; Queniana bate recorde

A prova foi realizada neste sábado (31). A queniana também é a campeã olímpica da prova

Jemima Sumgong venceu a prova feminina Jemima Sumgong venceu a prova feminina  - Foto: Futura Press/Folhapress

Em uma chegada espetacular, o etíope Leul Aleme conseguiu uma arrancada para vencer a prova masculina da São Silvestre neste sábado (31), em São Paulo.

Já entre as mulheres, a campeã olímpica da maratona, a queniana Jemima Sumgong dominou a prova e bateu o recorde histórico feminino com o tempo de 48min35. O tempo anterior pertencia a Priscah Jeptoo.

Especialistas em corridas de longa distância, Sumgong se adaptou bem à ruas de São Paulo e somou mais um título importante nesta temporada. A queniana venceu também a Maratona de Londres em 2016.

Veja também

Jair Ventura ressalta 'melhor segundo tempo' do Sport em 'final de Copa do Mundo'
Sport

Jair Ventura ressalta 'melhor segundo tempo' do Sport em 'final de Copa do Mundo'

Hélio agradece jogadores e afirma não ter deixado de acreditar na permanência
Náutico

Hélio agradece jogadores e afirma não ter deixado de acreditar na permanência