EUA mantém confiança para Mundial-2026 apesar de Trump

Recentes declarações do presidente americano sobre os "países de merda" não terão impacto em candidatura

Donald TrumpDonald Trump - Foto: Daniel SORABJI / AFP

As recentes declarações do presidente americano Donald Trump sobre os "países de merda" não terão impacto na candidatura conjunta de México-Estados Unidos-Canadá para organizar a Copa do Mundo-2026, declararam nesta terça-feira dirigentes do futebol dos EUA.

"Isto vai mudar com o tempo e temos todas as garantias que precisamos dos três governos para apoiar a candidatura em todos os campos que são importantes para a Fifa ou o COI", avaliou o presidente da candidatura, Sunil Gulati, que também comanda a Federação Estado-unidense de Futebol.

"A política do momento é a política do momento", acrescentou o presidente da Concacaf, Victor Montagliani.

"Quando começamos a pensar nesta candidatura há anos, também existia uma política. Para ser honesto, nem sequer lembro qual era, mas certamente existia um entorno político", insistiu o dirigente canadense, vice-presidente da Fifa.

Em reunião com vários senadores no Salão Oval da Casa Branca, dia 12 de janeiro, Trump utilizou a expressão "países de merda" para se referir à estados africanos, Haiti e El Salvador, revelaram alguns veículos de comunicação e um dos senadores presentes do encontro.

Gulati minimizou os temores dos torcedores de países considerados perigosos por Washington em não serem autorizados a assistirem a competição, insistindo no poder econômico da candidatura.

O dirigente, que vai ceder a presidência da federação dos EUA em fevereiro, avaliou que um formato ampliado com 48 times e 80 jogos em três países vai oferecer um "pacote econômico sem precedentes".

"Podemos dar algumas cifras que ninguém no mundo pode igualar. Isso é assim pelo tamanho de nossos estádios. Falamos de cinco milhões de ingressos", insistiu Gulati, que lembrou o recorde de ingressos vendidos no Mundial dos Estados Unidos-1994.

A data limite para apresentar candidaturas à Fifa é 16 de março de 2018. A decisão final vai ser no dia 13 de junho em Moscou, na véspera do início da Copa do Mundo da Rússia.

Veja também

Espectadores dos Jogos de Inverno devem estar vacinados e apresentar teste negativoJogos de Inverno

Espectadores dos Jogos de Inverno devem estar vacinados e apresentar teste negativo

Grêmio derrota São Paulo e ganha fôlego na luta contra o rebaixamentoSérie A

Grêmio derrota São Paulo e ganha fôlego na luta contra o rebaixamento