Futebol

Evandro Carvalho sobre vinda de Brasil x Argentina para Arena: 'Tivemos um trabalho árduo'

Após negar que havia possibilidade do jogo acontecer em PE, o presidente da FPF disse que está trabalhando para viabilizar a presença de torcedores

Evandro CarvalhoEvandro Carvalho - Foto: Divulgação/FPF-PE

Com o jogo entre Brasil x Argentina confirmado para 30 de março de 2021, na Arena de Pernambuco, o presidente da Federação Pernambucana de Futebol (FPF), Evandro Carvalho, afirmou que já trabalha com a possibilidade da presença de público no clássico sul-americano.


 
“O jogo está confirmadíssimo. Será em Pernambuco e estamos na expectativa que tudo já esteja em estado de normalidade. Tivemos um trabalho árduo e a confirmação oficial se deu hoje pela manhã. A presença de torcedores dependerá do estado do coronavírus no Estado e no País. Ainda não posso afirmar se teremos o público presente de forma parcial ou total, mas estamos trabalhando para viabilizar a presença dos torcedores”, afirmou Evandro Carvalho.
 
O presidente da FPF tinha descartado o jogo na Arena de Pernambuco na última sexta-feira (16). Na ocasião, Evandro disse que a seleção argentina só jogava no Rio de Janeiro ou em São Paulo e que a vistoria da CBF no estádio localizado em São Lourenço da Mata tinha sido apenas para viabilizar a volta de torcedores nas três primeiras divisões do futebol brasileiro.
 
A partida será disputada pela sexta rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo e poderá registrar a primeira partida de Lionel Messi em Pernambuco. Se for convocado, esta será a segunda aparição do melhor do mundo no Nordeste. No ano passado, o camisa 10 argentino entrou em campo pela sua seleção contra a Colômbia, na Arena Fonte Nova, em Salvador, pela Copa América, e saiu derrotado por 2x0.

Veja também

Após atraso, Governo publica lista do Bolsa Atleta com erros do início ao fim
Bolsa Atleta

Após atraso, Governo publica lista do Bolsa Atleta com erros do início ao fim

Hélio recebe apenas advertência e comandará Náutico na final
Futebol

Hélio recebe apenas advertência e comandará Náutico na final