Futebol

Evandro não descarta público em Brasil x Argentina, na Arena PE

Presidente da FPF garante que, nos próximos, entidade apresentará uma proposta para ter acesso parcial do público no estádio; jogo será dia 30 de março

[610] evandro carvalho[610] evandro carvalho - Foto: Arthur de Souza/Folha de Pernambuco

O presidente da Federação Pernambucana de Futebol (FPF), Evandro Carvalho, não descarta o acesso parcial de torcedores na Arena de Pernambuco, em São Lourenço da Mata, para o jogo entre Brasil e Argentina, no dia 30 de março, pelas Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo de 2022, no Catar. Desde o retorno do futebol, após a paralisação de quatro meses por conta da pandemia da Covid-19, o esporte no País segue realizando partidas com portões fechados.

"Desde novembro, nós buscamos um modelo de segurança tecnológica que permita um acesso parcial dos torcedores. Conversamos com empresas nacionais e internacionais para ser o primeiro estado do País a ter um nível de aparelhagem possível para isso. Não posso dar detalhes agora, mas amanhã ou ainda nesta semana vamos explicar como faremos para apresentar o pedido (à Conmebol) de liberação de parte do público no jogo do Brasil", afirmou Evandro.

A Arena de Pernambuco receberia inicialmente Brasil x Bolívia, no dia 27 de março de 2020, mas a partida foi adiada por conta da Covid-19. O jogo em questão foi realizado apenas em setembro, mas em São Paulo, na Neo Química Arena. No mês seguinte, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) confirmou que o clássico entre brasileiros e argentinos aconteceria na Arena de Pernambuco.

Será o segundo confronto entre Brasil e Argentina da história em Pernambuco. O primeiro aconteceu em 1994, em um amistoso no Arruda. A equipe verde-amarela venceu por 2x0, em jogo que tinha Maradona no banco de reservas e um jovem Ronaldo, de apenas 17 anos, estreando pela seleção.

 

Veja também

Após anunciar despedida, Júnior Tavares acerta renovação com Sport até o fim do ano
Futebol

Após anunciar despedida, Júnior Tavares acerta renovação

Federação Catarinense suspende o estadual em razão da pandemia
Futebol

Federação Catarinense suspende o estadual em razão da pandemia