A-A+

Executivo de futebol do Santa confirma contato com Daniel Costa e Roberto

‘Depende muito mais dos empresários dos atletas acharem que é possível ou não’, disse o dirigente

Meia Daniel Costa atuou no Arruda em 2015 e 2016Meia Daniel Costa atuou no Arruda em 2015 e 2016 - Foto: Santa Cruz/divulgação

Depois de anunciar Itamar Schulle como novo técnico coral e confirmar o acerto com o atacante Mayco Félix, o Santa Cruz corre nos bastidores para bater o martelo sobre alguns outros nomes que podem integrar o elenco no próximo ano. Trata-se de velhos conhecidos da torcida tricolor. Em conversa com a Folha de Pernambuco, o executivo de futebol do Santa, Nei Pandolfo, confirmou o contato e o interesse no meia Daniel Costa e no lateral-esquerdo Roberto. A apresentação do elenco coral está prevista para acontecer na próxima terça-feira (10).

Ainda que o interesse em contar com os dois atletas para a próxima temporada tenha sido mostrado pelo clube, o Santa mais uma vez esbarra em questões como o alto salário dos jogadores, que está acima do que a Cobra Coral até então pode oferecer. Por conta disso, o diretor remunerado coral relatou que o contato se deu dentro do limite financeiro do clube.

“Fizemos contato, mas ainda não avançou, principalmente por conta da questão financeira. São atletas que estão em um patamar acima do que a gente tem dentro das possibilidades. A gente foi dentro do nosso limite com as nossas propostas, aí depende muito mais dos empresários dos atletas acharem que é possível ou não. Acho que no primeiro momento é difícil, todos aguardam uma Série B ou uma Série A. Então, a gente não é a primeira opção nesse sentido”, afirmou o executivo de futebol tricolor, Nei Pandolfo.

Ainda sobre o desembarque de velhos conhecidos no Arruda, Pandolfo disse que o clube está se empenhando em relação a alguns nomes. “Estamos tentando algumas situações, ainda não tem nenhuma consolidada, mas a gente está tentando”, finalizou.

Daniel Costa passou pelo Santa nos anos de 2015-2016. Em sua trajetória no clube, o meia de 31 anos acumula um acesso, um título pernambucano e uma Copa do Nordeste. No Criciúma, o atleta atuou em em 31 jogos e marcou três gols ao longo da Série B.

Enquanto isso, trazido ao Recife pelo técnico Milton Mendes, Roberto disputou a Série A com o Santa Cruz, em 2016 e atuou em 13 jogos pelo clube coral. Já em 2017, ano em que o atleta permaneceu para a disputa do Campeonato Pernambucano e ainda parte da Série B, o lateral-esquerdo entrou em campo em 24 oportunidades. No mesmo ano, o atleta se despediu do Tricolor e passou a integrar o elenco da Chapecoense.

Mesmo assim, o lateral parece ainda guardar boas lembranças da época em que jogou pelo Santa Cruz, além de manter contato frequente com o torcida coral através de suas redes sociais. Caso ocorra o avanço das negociações, certamente o atleta não terá problemas em voltar a chamar o Arruda de ‘lar doce lar’.

Leia também:
Santa Cruz não conta com Paulo Massaro para 2020
Santa Cruz anuncia Itamar Schulle como novo técnico
Itamar Schulle prega união para conquistar objetivos no Santa Cruz

Veja também

Veja quem tem contrato com o Santa Cruz para 2022
Futebol

Veja quem tem contrato com o Santa Cruz para 2022

Hélio não comanda Náutico diante do Brasil
Futebol

Hélio não comanda Náutico diante do Brasil