Experiente, David não se priva de assumir liderança no Santa

Jogador de 34 anos é cotado para ser o capitão do clube

O deputado estadual William Brigido apresentou requerimento para criação de Comissão Especial de Mobilidade Urbana O deputado estadual William Brigido apresentou requerimento para criação de Comissão Especial de Mobilidade Urbana  - Foto: Ascom/ Alepe

Nos primeiros treinos do Santa Cruz na pré-temporada em Olinda, um dos detalhes que chama atenção é a juventude do setor de meio e ataque do clube. Wellington Cézar (23), Thiago Primão (23), Thomás (23), William Barbio (24) e André Luís (19) tem formado a equipe titular na frente. A exceção está na posição de segundo volante. Aos 34 anos, David é a referência do time e forte candidato ao posto de capitão do Santa. E ele não se omite da responsabilidade.

“A liderança é algo natural pela minha idade e por ter passado por outras equipes. Mas todos têm responsabilidade, falando e exigindo. Serão 11 lideranças dentro de campo”, afirmou, ainda em tom modesto, para logo em seguida ser mais direto. “Estou muito feliz em retornar ao Recife e seria uma honra ser capitão de uma equipe de tradição como o Santa. Tenho que respeitar os profissionais que estão aqui no clube desde o ano passado como o Vítor e outros jogadores, mas estou aberto a exercer essa função. Se for opção do Vinícius Eutrópio, eu procurarei ajudar”, completou.

A relação entre David e Eutrópio é antiga. Os dois trabalharam juntos em outras três equipes (Grêmio Barueri, Atlético/PR e Fluminense). Na última entrevista que concedeu, o treinador comentou que vê o atleta como um dos futuros líderes do time.

Atuando como segundo volante, David analisou sua evolução técnica ao longo dos anos, desde a sua primeira passagem no futebol pernambucano, em 2005, pelo Náutico – o atleta também atuou no Timbu em 2009. “A função que exercia na época era diferente. Hoje eu atuo mais atrás, como segundo ou primeiro volante. Antes eu tinha mais vigor físico, mas era mais inseguro. O que não mudou foi a atitude dentro de campo e a motivação”, citou.

Logo na estreia do Campeonato Pernambucano, David enfrentará o Náutico – Tricolor e Timbu também farão dois confrontos na fase inicial da Copa do Nordeste. Sobre o reencontro, o meia foi taxativo. “Vou defender o Santa até última gota. Não importa quem venha pela frente. Procurarei dar o máximo, respeitando a equipe do Náutico. Faremos de tudo para sairmos vitoriosos”, finalizou.

Veja também

Guardiola critica Superliga: 'não é esporte'
Futebol

Guardiola critica Superliga: 'não é esporte'

Fifa avisa sobre 'consequências' aos clubes da Superliga europeia
Futebol

Fifa avisa sobre 'consequências' aos clubes da Superliga europeia