Familiares e sobreviventes do voo da Chape voltam ao lugar da tragédia

Delegação do time catarinense está na Colômbia para o segundo jogo da final da Recopa Sul-Americana

Local onde aconteceu a tragédia com o vôo com a delegação da ChapecoenseLocal onde aconteceu a tragédia com o vôo com a delegação da Chapecoense - Foto: Joaquin Sarmiento/AFP

Familiares de vítimas e sobreviventes do acidente do voo da Chapecoense voltaram nesta terça-feira (9) ao local da tragédia que matou 71 pessoas. Cerca de 30 parentes de passageiros do voo da LaMia e os atletas Alan Ruschel, Neto e Jackson Follmann recebem homenagens em La Unión, cidade colombiana próxima de onde o avião caiu no dia 29 de novembro de 2016.

A Chapecoense voltou à Colômbia para enfrentar o Atlético Nacional, às 21h45 (com Fox Sports 2 e SporTV), em Medellín, pelo jogo de volta da Recopa Sul-Americana.

Um dia antes da partida, Ruschel, Neto e Follmann estiveram com moradores de La Unión, que organizaram um mutirão para recuperar pertences das vítimas que haviam sido saqueados. Os objetivos foram entregues para os familiares.

"Quis vir aqui e ir também ao local do acidente para me ajudar a trabalhar melhor o que passei", afirmou Follmann.

Quando subiram ao chamado Cerro Chapecoense, morro onde o avião caiu, Neto e Ruschel se juntaram e pediram privacidade aos jornalistas que acompanhavam a visita.
No topo do morro foi colocada uma bandeira do Brasil com o símbolo da Chapecoense.

Alguns familiares de vítimas receberam convites para ficarem hospedados na casa de moradores do povoado.

"Até aprendi algumas frases em português para receber melhor os brasileiros", afirmou a moradora de La Unión Monica Caro, 39.

Veja também

Eslovênia acusa comitê organizador do Mundial de Handebol de servir comida estragada
Handebol

Eslovênia acusa comitê organizador do Mundial de Handebol de servir comida estragada

Com 21% de chance de queda, Sport encara sequência que lhe deu apenas quatro pontos no 1º turno
Sport

Com 21% de chance de queda, Sport encara sequência que lhe deu apenas quatro pontos no 1º turno