Fato novo surge no Santa Cruz graças à torcida

Projeto Camisa 12, encabeçado pela torcida do Santa Cruz, criou um site de arrecadação financeira para bancar a contratação de um reforço de peso para o time.

Apresentação de Carlinhos Paraíba no Santa CruzApresentação de Carlinhos Paraíba no Santa Cruz - Foto: Arthur de Souza/Folha de Pernambuco

Um fato novo surgiu no Arruda graças à torcida, principal responsável por lançar o projeto Camisa 12. Em parceria com o Santa Cruz, a campanha para bancar a contratação de um reforço renomado foi determinante para o retorno do meia Carlinhos Paraíba ao clube. A iniciativa de criar um site de arrecadação mobilizou os torcedores. A meta é angariar R$ 250 mil no total e até o momento mais da metade do valor foi levantado.

"A primeira coisa que pensei, quando tive a chance de voltar, foi na torcida. Desde a minha primeira passagem, sempre tive um carinho grande por ela. Falei muito dela por onde passei. Isso me impressionou. Olhei o site do projeto o tempo todo. E enquanto não tinham citado meu nome, estava tranquilo. Assim que soltaram, as contribuições subiram muito. Me senti valorizado, mas já estava com vontade de vir. Ganhei um pouco mais de responsabilidade. A campanha foi para a torcida ajudar mesmo e que ela continue doando. O importante é que estou aqui e já vesti a camisa", disse o novo reforço em sua apresentação oficial, ontem à tarde, no auditório da sede social.

Leia também: 

Martelo batido: Santa Cruz acerta volta de Carlinhos Paraíba 

Perto do Santa, Carlinhos Paraíba crê em rápida readaptação  

“Sempre sonhei em voltar para o Santa”, diz Carlinhos Paraíba 

Santa negocia com Carlinhos Paraíba e sonda atletas do Paulistão 

Um dos idealizadores do projeto, Franklin Mendes comentou sobre o início da caminhada. A primeira ação foi na partida contra o Treze/PB (0x0), em Campina Grande, pela quinta rodada da fase de grupos da Copa do Nordeste. Inclusive, o jogador acompanhou o jogo, no estádio Amigão, e começou a conversar com os responsáveis pela campanha e com a diretoria.

"Todos os criadores são torcedores. O clube abriu as portas, conversamos e apresentamos a ideia para tentar desenvolvê-la. Pensamos com muito carinho porque amamos o Santa Cruz. Projetamos arrecadar todo o montante em 30 dias, mas em uma semana chegamos acima de 50% da cota de uma campanha de um mês. Os números são expressivos. Quando a torcida quer, ela abraça a causa. Isso ajuda muito e nunca abandonamos o clube. Não negociamos jogadores, mas a ação usa a verba da torcida em parceria com a direção. As contribuições continuam e vamos atingir 100% até a estreia de Carlinhos Paraíba", detalhou.

Sem esconder o sentimento, o experiente atleta, de 35 anos de idade, declarou o seu amor pelo Santa e revelou como surgiu a paixão. "Na rua que eu morava tinha um time do Santa Cruz. Tininho (Constantino Júnior, presidente coral) conheceu a sede. E desde lá tenho esse apego. Sempre torci pelo clube pernambucano", contou.

Antes de jogar pela primeira vez no Tricolor, em 2007, Carlinhos Paraíba foi reprovado no Arruda. "Fiz um teste aqui. Cheguei para ficar um mês e passei um dia. Peguei apenas quatro vezes na bola e não quiseram me contratar. Foi difícil. Quando tive o contrato assinado (pelo Santa), anos depois, pisei no campo, olhei para a arquibancada e imaginei um dia jogar com a torcida me apoiando. Estou vivendo esse sonho novamente", lembrou.

Revelado pelo Nacional de Patos, clube paraibano, o atleta alçou voos mais altos na carreira. Assim que deixou a Cobra Coral, durante o Campeonato Pernambucano de 2008, se transferiu para o Coritiba, onde permaneceu até 2009. De 2010 a 2011, defendeu o São Paulo até sair do Brasil no ano seguinte. Foi para o futebol japonês e passou cinco temporadas fora do País (2012-2017).

"Sempre pensava: e o Santa Cruz? Eu queria voltar e falei isso para a minha família. Eu pensava: não tenho que terminar a carreira lá. Queria chegar aqui bem, para ajudar, e não só vestir a camisa, mas honrá-la. Não quero perder a confiança que o torcedor tem em mim. Estou em um momento bom", pontuou o recém-contratado e 28º reforço para a temporada 2018.  

Veja também

Tite convoca Paquetá para o lugar de Coutinho na seleção brasileira
Seleção Brasileira

Tite convoca Paquetá para o lugar de Coutinho na seleção brasileira

Tite chama Paquetá para substituir Philippe Coutinho
Eliminatórias da Copa

Tite chama Paquetá para substituir Philippe Coutinho