Fifa pune clubes do Qatar por atrasos em pagamentos

Nesta quinta-feira (19) a Fifa puniu alguns clubes do Qatar e de outros países por estarem devendo aos seus jogadores

Romarinho, ex jogador do CorinthiansRomarinho, ex jogador do Corinthians - Foto: (Foto: Reprodução/Internet)

Por atrasos em pagamentos a jogadores, a Fifa decidiu punir seis clubes nesta quinta-feira (19). De acordo com informação divulgada pelo Comitê Disciplinar da entidade, o Al Arabi (Qatar), Al Kharaitiyat (Qatar), Zamalek (Egito), Mersin Idman (Turquia), Kuban (Rússia) e Al Jazira (Emirados Árabes Unidos) acabaram multados por infringirem as notas.

Semifinalista do último Mundial de Clubes e clube do atacante brasileiro Romarinho, ex-Corinthians, o Al Jazira vai pagar R$ 96 mil de multa e tem 60 dias para quitar todos os débitos listados pela Fifa. Caso não cumpra o exigido, o time perderá seis pontos e ainda será proibido de contratar por duas janelas de transferências.

Já o Al Arabi e o Al Kharaitiyat, times da próxima sede da Copa do Mundo, serão obrigados a cumprir com multas de R$ 116 mil (com prazo de 90 dias) e de R$ 96 mil (prazo de 60 dias), respectivamente. Ambos os clubes também poderão perder pontos e o direito de contratarem reforços, caso não resolvem as pendências.
Leia também:
Uso do VAR é o marco de uma nova era no futebol, diz Fifa

A Federação Egípcia também foi punida em R$ 193 mil e advertida formalmente pela Fifa por infringir a norma de descanso estabelecida pela Fifa antes da Copa. Os times eram proibidos de disputar amistosos entre 21 e 27 de maio, mas a equipe africana atuou contra o Kuwait no dia 25.

Veja também

Kevyn testa positivo para Covid-19 e desfalca Náutico
Futebol

Kevyn testa positivo para Covid-19 e desfalca Náutico

Casagrande critica omissão da CBF e Bolsonaro: 'Governo da morte, não da vida'
Opinião

Casagrande critica omissão da CBF e Bolsonaro: 'Governo da morte, não da vida'