Filho de ex-caminhoneiro, lateral Danilo defende protestos

Revelado no América-MG e com passagens por Santos, Porto e Real Madrid, Danilo deverá ser o titular da seleção brasileira na Copa do Mundo

Danilo já havia perdido a vaga no time titular para FagnerDanilo já havia perdido a vaga no time titular para Fagner - Foto: CBF/Reprodução

Filho de ex-caminhoneiro, o lateral direito Danilo, 26, do Manchester City, afirmou que apoia a paralisação dos caminhoneiros, que completou dez dias nesta quarta-feira (30). José Luiz Ezequiel Silva, o Baiano, pai do atleta, exerceu a profissão até 2010.

"Ontem [terça-feira], troquei mensagem com meu pai. Ele falou que a greve continua e que [caminhoneiros] estão certos", disse Danilo nesta quarta-feira, durante entrevista no CT do Tottenham, onde a Seleção Brasileira se prepara para a Copa do Mundo da Rússia.

Leia também:
Thiago Silva quer a Copa para dar alegria aos brasileiros
Marcelo e Casemiro chegam, e Tite tem Seleção completa

"Para nós que moramos longe há muitos anos, é muito difícil expressar opinião sobre, mas o que vejo é que a população paga e transforma em impostos, ela não recebe em benefícios. Então acho que estão certos em protestar em relação a isso", disse o lateral do campeão inglês.

Revelado no América-MG e com passagens por Santos, Porto e Real Madrid, Danilo deverá ser o titular da seleção brasileira na Copa do Mundo.

Ele é o principal candidato para ocupar a vaga de Daniel Alves, que não foi convocado após uma contusão no joelho.

"O Tite conversou comigo sim já, como imagino que tenha feito com quase todos os jogadores. Ele tenta manter um padrão de jogo. Ele me mostrou vídeos e situações, assim como tenho certeza que também conversou com Fagner e com outros jogadores para todos ficarem cientes do que têm que fazer em campo", afirmou.

"Eu não tenho que fazer nada diferente do que faço no meu clube no dia a dia. Certamente foi isso que fez o Tite me convocar. Tenho certeza que assim é a melhor maneira de jogar e poder conquistar meu espaço aqui dentro", completou Danilo.

O jogador do Manchester City também comentou sobre a recuperação do atacante Neymar, que sofreu uma fissura no pé direito no final de fevereiro. O camisa 10 da seleção brasileira retornou aos treinos com bola há duas semanas.

"Tenho conversado bastante com o Neymar, tenho enfrentado ele, e sempre dou uma pisadinha ali [risos]. Ele está cada dia melhor, cada dia com mais velocidade, e sempre difícil de defender contra ele. A gente espera que ele chegue se não 100%, ou o mais perto disso na Copa", disse Danilo.

Ele também brincou sobre a dificuldade de marcar o principal astro da seleção nos treinos.

"Ele é muito rápido, você não sabe se ele vai para a direita, então é normal umas duas ou três vezes pisar no pé dele, estou tentando pisar de leve, com um carinho [risos]", completou.

Veja também

Seis atletas por empréstimo devem deixar o Santa no final de janeiro
Futebol

Seis atletas por empréstimo devem deixar o Santa no final de janeiro

Kevyn pode reforçar Náutico diante do Cruzeiro
Futebol

Kevyn pode reforçar Náutico diante do Cruzeiro