Fla aposta em Maracanã para superar polêmicas e "balde de água fria"

Cariocas perderam de virada para o Internacional, e tentam não se distanciar da briga pelo título

Governador Paulo CâmaraGovernador Paulo Câmara - Foto: Felipe Ribeiro/Folha de Pernambuco

Após liderar o Campeonato Brasileiro por alguns minutos na tarde do último domingo (16), o Flamengo viu o final de semana se encerrar de maneira complicada na briga pelo título do torneio. Com a derrota por 2x1 para o Internacional, o time viu o líder Palmeiras aumentar a vantagem na ponta da tabela para quatro pontos.

Realista, o técnico Zé Ricardo não escondeu o sentimento do grupo rubro-negro. "Foi um banho de água fria", disse. Para completar, o clima fora de campo também não era dos melhores. Enquanto o clube se esforça para dizer que não tem relação com a polêmica arbitragem do Fla-Flu e torce para que o Superior Tribunal de Justiça Desportiva não aceite um possível pedido de anulação por parte do time tricolor, o presidente Eduardo Bandeira de Mello se envolvia em outra discussão. Desta vez com Paulo Nobre, presidente do Palmeiras, numa batalha de bastidores nesta reta final.

Em campo, o time tenta dar a volta por cima e ter uma semana de paz. Quando olha para frente, se anima. Vê seu principal aliado, o Maracanã, próximo do retorno nos próximos dias. E é justamente na força do estádio e de sua torcida que o Flamengo aposta para uma arrancada contra polêmicas e desvantagens nesta reta final.

"Estamos completamente na briga. Grande expectativa contar com a nossa torcida também. Vai ser uma força a mais, com certeza vamos usar desse fator para nos fortalecer. Passada a ressaca, o Flamengo estará forte no domingo que vem", comentou Zé Ricardo.

Restando sete rodadas para o fim do campeonato, o Flamengo, com 60 pontos, precisa superar o Corinthians no retorno ao Maracanã, do domingo (23), e torcer por dois tropeços dos palmeirenses, que têm 64.

Veja também

CBF e clubes mantêm proibição de torcedores em jogos do Brasileirão
Protocolo

CBF e clubes mantêm proibição de torcedores em jogos do Brasileirão

Em jogo movimentado, Afogados perde por 2x0 para o Campinense
Série D

Em jogo movimentado, Afogados perde por 2x0 para o Campinense