Futebol

Flamengo anuncia patrocínio de varejista de empresário bolsonarista

Contrato ainda precisa ser aprovado pelo conselho deliberativo do clube, terá validade até dezembro deste ano e cederá à varejista o espaço das mangas da camisa rubro-negra

Foto: Reprodução/ Havan

O Flamengo acertou com a Havan um acordo para a exibição da marca da empresa no uniforme do clube. O anúncio foi feito nesta segunda-feira (10), véspera do confronto com o Unión La Calera, pela quarta rodada da fase de grupos da Copa Libertadores.

O contrato, que ainda precisa ser aprovado pelo conselho deliberativo do clube, terá validade até dezembro deste ano e cederá à varejista o espaço das mangas da camisa rubro-negra.

"A Havan sempre acreditou no esporte. Tradicionalmente, nós somos apaixonados por futebol. Estamos muito felizes por nos unir ao clube e à nação rubro-negra", disse o dono da empresa, Luciano Hang, no comunicado sobre o acerto, cujos valores não foram divulgados.

Antes do anúncio, houve uma brincadeira nos perfis do Flamengo e da Havan no Twitter. "Ainda tem espaço nesse manto, Nação?", perguntou a empresa, o que gerou comentários de entusiasmo e também muitas críticas.

Luciano Hang, 58, é um dos notórios apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) desde sua campanha para ocupar o Palácio do Planalto. Na última sexta-feira (7), ao inaugurar uma ponte em Rondônia, o político andou de moto com o empresário, em imagem que se espalhou rapidamente.

A diretoria do Flamengo também é afinada com Bolsonaro. O presidente do clube, Rodolfo Landim, tem se mantido próximo do presidente do Brasil e com ele articulou no ano passado uma medida provisória que modificava as regras dos direitos de transmissão do futebol.

O acordo com a Havan reforça essa aliança, embora não represente a entrada da empresa catarinense no esporte. A varejista patrocina também outros times, entre eles o Vasco, arquirrival da agremiação rubro-negra.

Na época do acerto com o Vasco, no ano passado, houve protesto de parte dos torcedores cruzmaltinos, o que não impediu a marca da Havan de aparecer na região do ombro dos jogadores.

No Flamengo, ela substituirá nas mangas do uniforme marcas do próprio clube, como "Nação", o programa de sócios-torcedores, e "FlaTV".

Veja também

Novo presidente do Sport será escolhido via eleições diretas
Futebol

Novo presidente do Sport será escolhido via eleições diretas

Tite promete novas mudanças no Brasil e critica gramado do Nilton Santos
Seleção Brasileira

Tite promete novas mudanças no Brasil e critica gramado do Nilton Santos