Esportes

Flamengo atinge receita de quase R$ 1 bi e diz estar forte contra Covid-19

No documento, o clube apontou uma receita bruta de R$ 950 milhões, com um superávit de R$ 63 milhões.

Gerson celebra mais uma conquista do FlamengoGerson celebra mais uma conquista do Flamengo - Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

O Flamengo divulgou na manhã desta terça-feira (31) o balanço financeiro referente ao exercício de 2019. No documento, o clube apontou uma receita bruta de R$ 950 milhões, com um superávit de R$ 63 milhões.

Em meio à pandemia da Covid-2019, o presidente Rodolfo Landim, que assina a introdução do documento, afirmou que o Rubro-negro tem "condições financeiras e tecnológicas ímpares na indústria do Futebol mundial para resistir aos impactos econômicos e às restrições impostas".

O Fla destacou o crescimento de 89% nas receitas com operação de jogos, 45% nas receitas de direito de transmissão e premiações, e 357% nas receitas com transferência de atletas. A auditoria E&Y, responsável pelo parecer técnico, fez apenas uma ressalva no item que trata de gastos com a formação de atletas. A empresa entende que não há evidências que justifiquem alguns números, mas minimizou esta eventual falha contábil.

O incêndio no Ninho do Urubu foi pontuado por Landim, mas as indenizações pagar a algumas famílias não estão especificadas no balanço, embora tenham sido incluídas, ainda que não de forma nominal.

Orçamento

Em dezembro de 2019, o Rubro-negro aprovou proposta orçamentária que não contemplava os transtornos que seriam causados pela maior crise mundial dos últimos tempos. Com a incerteza causada pela pandemia, a tendência é que esses números sofram reajustes ao longo do tempo, mas o clube estuda cenários e crê estar sólido para encarar o momento, mesmo que a questão econômica global seja tratada com atenção na Gávea.

Leia também:
China não permite reinício de competições por temor a nova onda de coronavírus
CBLoL 2020: Flamengo segue líder com Vivo Keyd na cola

Veja também

Ansiedade demais vem lascando os alvirrubros
Que Golaço!

Ansiedade demais vem lascando os alvirrubros

Goleiro Martínez, da Argentina, rebate declaração de Mbappé: é difícil jogar na América do Sul
Futebol Internacional

Goleiro Martínez, da Argentina, rebate declaração de Mbappé: é difícil jogar na América do Sul