Futebol

Flamengo libera transmissão no YouTube após problemas com plataforma

O Flamengo comunicou que utilizaria a plataforma e cobraria pela transmissão na noite da última sexta-feira. A medida, inclusive, gerou surpresa em membros da diretoria e dividiu cúpula

Flamengo vence e fica mais perto de se consagrar campeãoFlamengo vence e fica mais perto de se consagrar campeão - Foto: Alexandre Vidal / Flamengo

Após inúmeros problemas relatados por torcedores com a plataforma "MyCujoo", o Flamengo liberou a transmissão da semifinal da Taça Rio neste domingo (5), por volta das 16h, contra o Volta Redonda, pelo canal oficial no YouTube. Desde ontem, quando foi liberada a venda de ingressos, rubro-negros vinham indicando diversos obstáculos com o aplicativo, desde login até adquirir ingressos.

Diante do cenário, a diretoria resolveu, então, exibir o jogo ao vivo na FlaTV. Pouco antes das 14h, uma publicação em rede social chegou a anunciar que o canal teria imagens, mas, depois, a postagem foi apagada. O Flamengo comunicou que utilizaria a plataforma e cobraria pela transmissão na noite da última sexta-feira. A medida, inclusive, gerou surpresa em membros da diretoria e dividiu cúpula.

Desde então, foram inúmeros protestos contra o alto escalão do clube e houve até uma pichação na Gávea, sede do Rubro-Negro, na qual o presidente Rodolfo Landim foi chamado de "ganancioso". No sábado, em entrevista ao canal Fox Sports, Landim justificou a cobrança pela transmissão ressaltando que "precisa manter o time". Além disso, afirmou que a diretoria teria de, em algum momento, testar esse mercado digital.
 

Veja também

Organizadores confirmam realização da Maratona de Londres apenas com elite
Futebol

Organizadores confirmam realização da Maratona de Londres apenas com elite

Times vetam cinco substituições para próxima temporada do Campeonato Inglês
Futebol

Times vetam cinco substituições para próxima temporada do Campeonato Inglês