Esportes

Fluminense de Fernando Diniz prega respeito ao Santa Cruz

No Rio de Janeiro, o atacante colombiano Yony González exalta o Santa: "Rival de tradição"

Técnico Fernando Diniz ao lado do elenco do FluTécnico Fernando Diniz ao lado do elenco do Flu - Foto: Mailson Santana/Fluminense

 

O Santa Cruz tem a vantagem de jogar a partida de volta da quarta fase da Copa do Brasil, contra o Fluminense, no estádio do Arruda. Já projetando o jogo de ida do mata-mata, que será no Maracanã, no Rio de Janeiro, na quarta-feira (17), às 21h30, o técnico Leston Júnior quer surpreender fora de casa. O elenco do Flu, inclusive, pregou respeito ao clube pernambucano.
"Vamos enfrentar um rival importante na Copa do Brasil, de tradição. Falaram que é um time forte. Vamos jogar em um estádio que vai estar cheio na segunda partida, então vamos tentar fazer a diferença no Rio", alertou o atacante colombiano Yony González, em entrevista coletiva no Fluminense.

Leia também: 

Santa pega o Fluminense na quarta fase da Copa do Brasil 

Leston projeta duelo com o Flu e quer surpreender no Maracanã 

O Santa vai voltar ao Maracanã após quase 13 anos. A última partida no estádio foi em 2006, quando o Tricolor empatou em 1x1 com o Flamengo, no dia 1º de novembro, na elite do futebol brasileiro. Em 2016, ano da participação mais recente do clube na Série A, o jogo diante do Fluminense aconteceu no Rio de Janeiro, mas no município de Volta Redonda. O Fla e o Botafogo mandaram seus jogos contra a Cobra Coral no Pacaembu, em São Paulo, e na cidade de Juiz de Fora/MG, respectivamente.
O treinador Leston Júnior elogiou o trabalho do técnico Fernando Diniz à frente do Fluminense, que não chegou à final do Campeonato Carioca, mas se classificou para a segunda fase da Copa Sul-Americana. O profissional de 45 anos de idade tem um aproveitamento de 61,9% em 21 jogos na temporada. 
"O Fluminense vive um momento com uma nova forma de jogar. Uma maneira peculiar e particular do Fernando (Diniz)", pontuou o comandante coral.
Os cariocas são liderados pelo meia Paulo Henrique Ganso. A maior expectativa é para o retorno do atacante Pedro, um dos destaques do futebol brasileiro no ano passado e também convocado para a Seleção Brasileira, que deve ser relacionado pela primeira vez na temporada.

 

Veja também

Presidente da CBF comenta sobre caso de Paquetá: "A princípio, não há uma condenação"
Denúncia

Presidente da CBF comenta sobre caso de Paquetá: "A princípio, não há uma condenação"

Ronaldinho comanda jogo beneficente para vítimas de inundações no RS
Solidariedade

Ronaldinho comanda jogo beneficente para vítimas de inundações no RS

Newsletter