A-A+

Gilmar elogia fase de Jean Carlos no Náutico

Meia marcou um gol e participou de outro na vitória do Timbu por 2x0 diante do Sport, nos Aflitos, pela Copa do Nordeste

Jean Carlos, meia do NáuticoJean Carlos, meia do Náutico - Foto: Paullo Allmeida/Folha de Pernambuco

Seja na Copa do Nordeste, Campeonato Pernambucano ou Copa do Brasil. Dentro ou fora dos Aflitos. Com assistências ou bolas na rede. Na bola parada, no chute de fora da área ou no passe preciso. De todas as formas, o meia Jean Carlos tem participado ativamente nos gols do Náutico em 2020. Principal jogador do clube na temporada, ele foi mais uma vez decisivo para a equipe. A vítima atual foi o Sport, nos Aflitos, pelo Nordestão. Os alvirrubros venceram por 2x0. Jean cobrou a falta que originou o tento de Ronaldo Alves e depois marcou um golaço de fora da área. Tudo isso no dia do seu aniversário de 28 anos. Desempenho para ganhar moral com o técnico Gilmar Dal Pozzo.

“Jean vive um momento sensacional, um dos melhores da carreira dele. Mas ele consegue jogar assim porque existe uma equipe, um sistema. O nosso grupo tem um conceito definido de jogo e a individualidade aparece. Tem acontecido com ele, Matheus, pode acontecer com Erick. Rhaldney está tendo uma sequência extraordinária também, dando sustentação de marcação. Em todos os jogos fizemos gols e tomamos poucos. O equilíbrio da sustentação para aparecer a individualidade”, afirmou o treinador.

Jean Carlos participou de sete jogos pelo Náutico no ano. Ele foi poupado apenas das partidas contra Petrolina, Vitória/PE e Afogados, todas pelo Campeonato Pernambucano. Na estreia do Estadual, nos Aflitos, contra o Sport, o Timbu empatou em 1x1. O gol alvirrubro, marcado contra por Chicão, saiu em uma cobrança de falta de Jean. Pela mesma competição, também em casa, na goleada do clube por 4x0, perante o Decisão, o meia marcou um gol de falta, cobrou o escanteio que resultou em um tento de Kieza e outro que terminou com Matheus Carvalho balançando as redes.

Pelo Nordestão, mais um escanteio de Jean que terminou em bola na rede de Matheus, no empate em 1x1 com o River/PI, nos Aflitos. Perante o Freipaulistano, fora de casa, no triunfo por 2x0, Jean foi garçom duas vezes: em um passe preciso para Paiva e em uma cobrança de falta que encontrou Fernando Lombardi na área. Na derrota por 2x1 para o Botafogo/PB, no Almeidão, também pelo torneio regional, o camisa 10 acertou um bonito chute de fora da área para diminuir a desvantagem na ocasião.

Contra o Toledo/PR, no jogo da última quarta (12), pela Copa do Brasil, a classificação do Náutico à próxima fase contou novamente com o talento do camisa 10. Primeiro, com a categoria na cobrança do pênalti que abriu o marcador. Depois, em chute de fora da área que obrigou o goleiro a espalmar, dando o rebote que Matheus precisava para empurrar para o fundo do gol.

Ao todo, Jean tem quatro gols e outras oito participações diretas em tentos.

Leia também:
Mais eficiente, Náutico supera o Sport no Clássico dos Clássicos
Torcidas organizadas de Náutico e Sport brigam em Casa Amarela

Veja também

Série D define dois últimos clubes que subirão à Série C de 2022
Futebol

Série D define dois últimos clubes que subirão à Série C de 2022

Dá, sim, para acreditar no acesso, Timbu!
Que Golaço!

Dá, sim, para acreditar no acesso, Timbu!