Givanildo faz projeção para o acesso e prepara o 'secador'

Técnico ressaltou o afunilamento da disputa pelo G4 da Série B

Prefeito de São Lourenço, Bruno Pereira, ladeado de aliados durante coletiva de imprensaPrefeito de São Lourenço, Bruno Pereira, ladeado de aliados durante coletiva de imprensa - Foto: Henrique Genecy/Folha de Pernambuco

A disputa pelas últimas vagas no G4 da Série B do Campeonato Brasileiro está afunilando. Após a 33ª rodada, encerrada no último sábado, a concorrência polarizou entre os seis primeiros colocados. Mesmo com a derrota para o Náutico, o Atlético/GO, com 61 pontos, está praticamente garantido na Série A do próximo ano. A luta do Timbu, atual quartop colocado com 54 pontos, é contra Avaí, em terceiro lugar com 55, Bahia e Londrina, quinto e sexto, respectivamente, ambos com 53. CRB, Ceará, Criciúma e Luverdense, com os tropeços recentes, precisarão de verdadeiros milagres para alcançar o G4 ao final da competição.

Com os adversários bem definidos, os alvirrubros já sabem em quem focar nas rodadas finais. No sábado, por exemplo, quando entrar em campo, o Timbu terá um panorama exato do que precisará fazer para continuar no grupo do acesso. Todos os concorrentes diretos entram em campo antes. Amanhã, o Londrina recebe o Paysandu, às 18h15, no Estádio do Café. Enquanto o Bahiaf enfrentará o Vila Nova/GO, sexta-feira, às 19h30, no Serra Dourada. Apenas o Avaí, que está à frente do Náutico, jogará também no sábado, às 18h30, diante do Paraná, na Ressacada, em Florianópolis.

Então, além de montar a equipe para pegar o CRB, no Rei Pelé, em Maceió, às 16h30, o técnico Givanildo Oliveira vai aproveitar o tempo para torcer contra os rivais pelas vagas no grupo dos quatro melhores. Se os resultados ajudarem, o comandante alvirrubro tem uma projeção otimista de pontos para alcançar o acesso.

“Eu seco os adversários, sim, porque eles secam a gente. Mas temos de fazer a nossa parte. Se ganharmos três jogos, vamos para 63 pontos. E com essa pontuação, acho que ficamos no quarto lugar. Temos cinco partidas para ganhar três. Mas não podemos vacilar. Considero que Atlético/GO e Vasco, pela pontuação que têm, já subiram. Agora, restam duas vagas. Vamos enfrentar o CRB com o pensamento de vencer, mas sabemos que será uma partida difícil fora de casa”, analisou o técnico Givanildo Oliveira.

Veja também

Após punição, Sport é liberado para inscrever atletas
Futebol

Após punição, Sport é liberado para inscrever atletas

FPF lança tabela do Campeonato Pernambucano 2020
Futebol

FPF lança tabela do Campeonato Pernambucano 2020