Griezmann, o "intruso" que ameaça os tronos de Messi e CR7

Em 2015/16, francês desbancou estrelas do Barça e do Real Madrid, sendo escolhido o melhor jogador do Campeonato Espanhol. Com seu incrível faro de gols, o francês Antoine Griezmann é um forte candidato a craque do Mundial

GriezmannGriezmann - Foto: Lehi Henri/Folha de Pernambuco

Por mais que seja considerada a competição de futebol mais abrangente do planeta - afinal, participam representantes de todos os continentes - a Copa do Mundo não é tão inclusiva assim quanto aparece. A cada quatro anos, há um tanto de obviedade no maior torneio do esporte bretão, tido como o mais imprevisível de todos. Afora o aparecimento de algumas zebras aqui e ali, só levantam a taça as seleções verdadeiramente fortes, repletas de história e tradição. Não à toa, os favoritos ao título são quase sempre os mesmos em todas as edições: Brasil, Alemanha, Argentina, França e Espanha. Itália e Holanda não contam porque sequer se classificaram para o Mundial. 

Nesta elite da bola, algumas equipes contam com gênios indiscutíveis. A Argentina tem Messi e o Brasil aposta em Neymar. Outras, como Alemanha e Espanha, possuem um conjunto fortíssimo. Contudo, na atual geração, os franceses podem se julgar privilegiados. Hoje, os Bleus reúnem um notável aglomerado de talentos. E, sorte deles, há joias em quase todas as posições. Na defesa, Varane é um dos melhores beques do momento. No meio-campo, o carrasco Kanté e o criativo Pogba dão as cartas. Já no ataque, o prodígio Mbappé desponta com alta expectativa. Entretanto, o nome de maior destaque no estrelado elenco da França é mesmo o atacante Antoine Griezmann, um claro candidato a craque do mundial.

Não é qualquer um que sobressai em meio a tantas peças valiosas. É preciso ser muito acima da média. E não há dúvidas de que o artilheiro do Atlético de Madrid seja um dos maiores jogadores em atividade. Apesar de defender a seleção da França, Griezmann não iniciou a carreira profissional em seu país-natal. Sua fama de goleador, a despeito do aspecto franzino (62kg, com 1,75m de altura) começou na Espanha, mais precisamente no País Basco. Foi pela Real Sociedad, na temporada 2009/2010, que ele apareceu, ainda que sem status de astro. O tempo tratou de mostrar a que Griezmann tinha vindo. No período 2013/14, seus 16 gols marcados no Campeonato Espanhol o fizeram ser cobiçado em todo o mundo.

O Atlético de Madrid desembolsou 30 milhões de euros para levar o promissor atleta. Saiu barato. De lá para cá, não houve uma temporada em que Griezmann marcasse menos de 25 gols. Em 2015/16, conseguiu desbancar os inigualáveis Messi e Cristiano Ronaldo e foi escolhido o melhor jogador do Campeonato Espanhol. De quebra, acabou eleito o terceiro melhor jogador do mundo. E já provou também que não é jogador só de clubes. Na Eurocopa de 2016, disputada em sua casa, ficou com o vice-campeonato. Por outro lado, Griezmann ganhou o prêmio de melhor jogador do torneio e foi o artilheiro, com seis gols. Credenciais mais do que suficientes para colocá-lo, tranquilamente, entre os favoritos à craque do Mundial da Rússia.

Leia também:
Grupo F: Alemanha parte como favorita em grupo modesto
Grupo E: Brasil com gana e candidatas a coadjuvantes

Veja também

Sport vence Grêmio por 1x0, na Ilha do Retiro
Futebol

Sport vence Grêmio por 1x0, na Ilha do Retiro

Acompanhe todos os lances de Sport x Grêmio, pela Série A do Campeonato Brasileiro
SÉRIE A

Acompanhe todos os lances de Sport x Grêmio, pela Série A do Campeonato Brasileiro