Guilherme e Guto destacam importância de Carmona em vitória

Ele fez uma 'jogadaça' e 90% do gol é dele", frisou o atacante, autor do tento que garantiu o triunfo do Sport por 2x1 diante do Bragantino

Carmona, Sander e Hernane comemoram golCarmona, Sander e Hernane comemoram gol - Foto: Divulgação/Sport

De todos os possíveis candidatos a herói em uma vitória do Sport, o nome de Pedro Carmona provavelmente estava entre as últimas posições. Até o jogo contra o Bragantino, neste último sábado (7), pela Série B, o meia só havia entrado em campo duas vezes. Jogou por 19 minutos contra o Figueirense, na terceira rodada, e por 32 perante o Oeste, no duelo anterior. Nunca começou como titular com a camisa do Leão. Com esse histórico, quem poderia imaginar que, aos 47 minutos do segundo tempo perante o Braga, isolado no lado esquerdo de ataque, com três marcadores na cola, o meia conseguiria fazer uma linda jogada e cruzar na medida para Guilherme balançar as redes no gol da vitória leonina perante o líder da competição? Um feito celebrado pela torcida e reconhecido pelo grupo.

"O gol foi 90% dele. Carmona fez uma 'jogadaça'. Eu só tive o trabalho de cabecear", contou Guilherme. Após o lance, o autor da assistência era só felicidade. "Quando eu me vi cercado, eu tentei uma jogada individual. Deu tudo certo. Sofremos em tantos jogos com gols no fim e dessa vez foi ao contrário. Acho que agora eu ganho fôlego. Por eu estar tanto tempo sem jogar como titular, a torcida tem uma desconfiança porque não vê os treinos. Guto teve as escolhas dele, e esperei minha chance, sem deixar de treinar. Depois de muito tempo, consegui pelo menos um pouquinho de carinho dos torcedores", comemorou.

Leia também:
Aniversariante do dia, Guto comemora vitória
Vale o acesso! Náutico recebe o Paysandu, nos Aflitos

"Vou dar um mérito de louvor para Carmona. Ele soube esperar o momento certo. Nunca desistiu. Foi profissional, trabalhou bastante e brilhou com uma grande jogada", disse o treinador. "Ele é um camisa 10. Não é rápido, mas é cadenciado e tem individualidade. Pedi para ele ir para cima, fazer o um contra um. Foi assim que ele decidiu o jogo. Na partida passada, ele entrou bem e cobrou uma falta na trave que deu moral. Juninho caiu um pouco de rendimento nos últimos jogos e não estava mentalmente forte. Por isso optei por Carmona. O meu grande mérito foi pensar em usá-lo no momento certo", completou.

Com o resultado, o Sport terminou na terceira posição da Série B, com 35 pontos. Na próxima rodada, o Leão visita o Figueirense, domingo (16), no Orlando Scarpelli.

Veja também

Juventus pode ser excluída do Campeonato Italiano se permanecer na Superliga
Futebol Internacional

Juventus pode ser excluída do Campeonato Italiano se permanecer na Superliga

Giba faz comentário transfóbico sobre Tifanny em papo com Eduardo Bolsonaro
Transfobia

Giba faz comentário transfóbico em papo com Eduardo Bolsonaro