Guilherme exalta ponto, mas lamenta primeiro tempo do Sport

Atacante foi um dos destaques do Leão e aturo do gol de empate, mas falou sobre a péssima atuação na etapa inicial

Guilherme comemora gol com EzequielGuilherme comemora gol com Ezequiel - Foto: Anderson Stevens/Sport Club do Recife

Foram dois tempos distintos do Sport no empate diante do Atlético/GO, nesta terça-feira (27), na Ilha do Retiro. Foi um primeiro tempo muito fraco para um segundo tempo muito bom para pelo lado dos pernambucanos. Mas, uma peça esteve em destaque nas duas etapas: o atacante Guilherme. Única peça lúcida do ataque leonino, o jogador conseguiu ser a grande referência na partida.

Leia também:
Sondado pelo Sport, Anderson está perto de fechar com o Athletico
Em confronto direto, Sport e Atlético/GO lutam no G4
Destaque no Sport, Guilherme tem propostas da Série A

No primeiro tempo, buscou bastante o jogo, mas pouco conseguiu fazer. Na segundo etapa, mostrou toda a sua importância para a equipe. Em certos momentos, até abusou um pouco da individualidade, gerando certa irritação da torcida. Aos nove minutos, quase marcou um golaço ao arriscar da entrada da área e a bola passar raspando.

Na reta final, foi presenteado por Yan com uma linda assistência e tocou firme na saída do goleiro, fazendo a festa da torcida e garantindo o empate rubro-negro. Ao término da partida, o jogador fez uma análise fria e realista. “Foram dois tempos distintos. O resultado nos fez ficar entre os quatro primeiros, isso foi o mais importante, mas esse primeiro tempo que fizemos não podemos repetir mais. Melhoramos no intervalo com as instruções de Guto, mas fizemos um primeiro tempo muito ruim”, comentou Guilherme.

Veja também

Ceará goleia o Vasco e beneficia Sport, que permanece fora do Z4
Futebol

Ceará goleia o Vasco e beneficia Sport, que permanece fora do Z4

Santa Cruz joga mal e perde segunda consecutiva na Série C
Futebol

Santa Cruz joga mal e perde segunda consecutiva na Série C