Automobilismo

Hamilton diz ter sido 'mal interpretado' por compartilhar vídeo sobre Bill Gates

Piloto inglês publicou um vídeo no instagram onde parecia ter acusado Gates de mentiras sobre vacinas da Covid-19

Lewis Hamilton, piloto inglêsLewis Hamilton, piloto inglês - Foto: Tobias Schwarz / AFP

O hexacampeão mundial de Fórmula 1, o britânico Lewis Hamilton, disse que foi "mal interpretado" depois de compartilhar um vídeo no Instagram que parece acusar Bill Gates de mentiras sobre vacinas contra o novo coronavírus. "Quero esclarecer meus pensamentos, pois entendo que eles podem ter sido mal interpretados", escreve Lewis Hamilton no Instagram, tendo excluído de sua conta um vídeo que compartilhou que parece acusar o fundador da Microsoft e filantropo de mentiras. 

O vídeo, publicado inicialmente na rede social pelo ator americano King Bach, é uma entrevista de treze minutos de Bill Gates à rede CBS sobre as vacinas contra o coronavírus, cuja pesquisa está em andamento e, principalmente, sobre seus possíveis efeitos colaterais. O filantropo investiu mais de 250 milhões de dólares na luta contra o vírus. Este vídeo é acompanhado por um comentário do King Bach para seus quase 20 milhões de seguidores no Instagram: "Lembro-me de quando contei minha primeira mentira". 

"Eu não tinha visto o comentário adicional, a culpa é toda minha e tenho muito respeito pelo trabalho filantrópico realizado por Bill Gates", disse Lewis Hamilton, que possui 18,3 milhões de assinantes na rede social. 

"Eu também quero deixar claro o fato de que não sou contra a vacina e que não tenho dúvidas sobre o fato de ser importante na luta contra o coronavírus, e tenho grandes esperanças de que seu desenvolvimento salve vidas", acrescentou o piloto da Mercedes, que está buscando seu sétimo título mundial nesta temporada. No entanto, Hamilton acrescentou que a entrevista de Bill Gates mostra "(que existem) ainda muitas dúvidas sobre os efeitos colaterais (de uma vacina) e como ela seria financiada". 

Na semana passada, Bill Gates teve que se defender das teorias da conspiração que o acusam de ser a origem da pandemia do coronavírus. Um vídeo indicando que o milionário queria "eliminar 15% da população" através da vacina e chips eletrônicos foi visto milhões de vezes no YouTube. "É uma má combinação de pandemia, mídia social e pessoas que procuram explicações simples", disse Gates em entrevista à CNN.

Veja também

São Paulo goleia o Taboão por 29x0 pelo Paulista feminino
Futebol feminino

São Paulo goleia o Taboão por 29x0 pelo Paulista feminino

Na Ressacada, Sport empata com Avaí no primeiro jogo das oitavas
Copa do Brasil sub-20

Na Ressacada, Sport empata com Avaí no primeiro jogo das oitavas