Santa Cruz

Jogadores do Santa Cruz valorizam empate fora de casa após ficar duas vezes em desvantagem

Os comandados do técnico Givanildo Oliveira comemoraram o ponto conquistado longe do Recife

Júlio César falhou em um dos gols sofridos pelo Santa CruzJúlio César falhou em um dos gols sofridos pelo Santa Cruz - Foto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco

O resultado em Lucas de Rio Verde foi comemorado pelo Santa Cruz, que chegou a ficar duas vezes em desvantagem no jogo. Os tricolores mostraram poder de reação e conseguiram um empate em 2 a 2 com o Luverdense/MT, no estádio Passo das Emas, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Autor de um dos gols, o zagueiro Bruno Silva valorizou o ponto somado longe do Recife.

“Estou muito feliz pelo gol. A primeira opção de batida é o Anderson Salles, e a segunda o Ricardo Bueno. Como nenhum dos dois estavam em campo, assumi a responsabilidade e fui para a bola. Foi importante o ponto garantido. Agora é pensar na sequência da competição”, declarou o defensor coral.

O goleiro Júlio César, que falhou em um dos gols sofridos, exaltou a força do Santa para reagir durante o confronto e ressaltou que o time coral ainda poderia ter saído de campo com a vitória. Para ele, o ponto conquistado no Mato Grosso pode fazer a diferença lá na frente.

"Jogar aqui contra o Luverdense é sempre difícil. Saímos atrás do placar por duas vezes e buscamos o empate. Claro que queríamos ter vencido o jogo, mas um empate é importante numa competição como a Série B. Vamos descansar e buscar a vitória na próxima partida", pontuou o camisa 1 tricolor. 

Veja também

Brasil sofre primeira derrota, mas avança no Mundial de Handebol
Handebol

Brasil sofre primeira derrota, mas avança no Mundial

Juíza acata pedido e Jonatan Gómez tem vínculo encerrado com o Sport
Sport

Juíza acata pedido e Jonatan Gómez tem vínculo encerrado com o Sport