Futebol

Josa não esconde ansiedade em voltar aos jogos

Volante destacou, contudo, que o tempo maior sem partidas ajuda o time a se preparar melhor nos treinamentos

Josa, volante do NáuticoJosa, volante do Náutico - Foto: Caio Falcão/CNC/Divulgação

Já são mais de três meses sem futebol em Pernambuco, e não há data para o retorno dos campeonatos. É nesse cenário de indefinição que os jogadores estão se preparando em treinamentos presenciais desde o dia 15 de junho. O sentimento atual é resumido pelo volante do Náutico, Josa.

"Ficamos ansiosos para voltar a jogar, mas temos que aceitar e entender que é um problema grave de saúde. Precisamos de cautela e entender que tudo será feito com segurança. A não definição faz com que a gente tenha mais tempo de treinamento", disse o jogador. Por conta da atual situação pandêmica em Pernambuco, o Governo do Estado ainda não liberou a volta das competições, paralisadas desde março devido o novo coronavírus.

Enquanto os jogos não voltam, Josa vai aproveitando o tempo também para se adaptar ao novo esquema tático proposto pelo técnico Gilmar Dal Pozzo. “Não é novidade o sistema do 4-1-4-1. Já fizemos aqui na época do Márcio (Goiano). Eu era o primeiro volante, dando proteção à zaga. Estamos treinando bastante para chegarmos bem aos jogos, fazendo tudo da melhor forma. Essa mudança tem sido bem absorvida. Para alguns, é novo, mas estamos aprimorando. Precisamos adequar todos os setores para ficarmos sincronizados", declarou.

 

Veja também

Goiás descobre dez casos de Covid-19 e tem jogo contra o São Paulo suspenso
Brasileirão

Goiás descobre dez casos de Covid-19 e tem jogo contra o São Paulo suspenso

Goiás tem 10 casos de Covid-19 e pede adiamento de jogo com o São Paulo
Futebol

Goiás tem 10 casos de Covid-19 e pede adiamento de jogo com o São Paulo