Juventus atropela o Milan e conquista o título da Copa da Itália

O domínio da Juventus na Itália pode ser ratificado neste fim de semana. Basta a equipe empatar com a Roma no domingo para conquistar pelo quarto ano seguido a "dobradinha" no país

JuventusJuventus - Foto: Tiziana FABI / AFP

A final da Copa Itália ratificou duas máximas do futebol italiano desta temporada: apesar do alto investimento, o Milan ainda precisa evoluir muito para recuperar o prestígio, enquanto a Juventus sobra no país tetracampeão mundial de futebol. Na noite desta quarta-feira, a equipe de Turim atropelou o rival de Milão pelo placar de 4x0, no Estádio Olímpico de Roma, e conquistou o torneio mata-mata pelo quarto ano consecutivo.

A Juve construiu a goleada em um espaço de apenas 20 minutos. O zagueiro Mehdi Benatia abriu o placar aos 11 da etapa final. O brasileiro Douglas Costa, aos 16, chutou de fora da área e anotou o segundo com enorme colaboração de Donnaruma. O goleiro do Milan falhou três minutos depois de novo ao largar a bola nos pés de Benatia, que fez o terceiro. Kalinic, contra, fechou a goleada aos 31.

O domínio da Juventus na Itália pode ser ratificado neste fim de semana. Basta a equipe de Turim empatar com a Roma no domingo para conquistar pelo quarto ano seguido a "dobradinha" no país -o duelo está marcado para as 15h45 (de Brasília). Antes de acabar a temporada, o clube alvinegro ainda encara o Verona, em casa, dia 20.

O Milan, por outro lado, tem dois compromissos para sustentar a sexta colocação e disputar na próxima temporada a Liga Europa. Neste domingo, a partir das 13h, o time rubro-negro encara a Atalanta, em Bergamo. A despedida de 2017-2018 está marcada para o dia 20, em San Siro, contra a Fiorentina.

Veja também

Vorax e paiN Gaming decidem título do CBLoL neste domingo (18)
Tecnologia e games

Vorax e paiN Gaming decidem título do CBLoL neste domingo (18)

Independiente Del Valle elimina Grêmio e vai à fase de grupos da Libertadores
Futebol

Independiente Del Valle elimina Grêmio e vai à fase de grupos da Libertadores