Fenômeno da natação mundial, a norte-americana Katie Ledecky voltou a assombrar o esporte, na noite desta quarta-feira (16). Aos 21 anos, deixou o próprio recorde mundial dos 1.500 metros para trás, no evento TYR Pro Swim Series, realizado em Indianápolis (EUA). O novo tempo, de 15m20s48, é cinco segundos mais baixo que a marca anterior. Ledecky bateu o recorde que havia estabelecido no Mundial de Kazan, em 2015. A marca inclusive quebra um "jejum", já que a nadadora não batia um recorde mundial desde os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, há dois anos.

Ledecky agora é dona dos oito tempos mais rápidos dos 1.500 metros, além de acumular 14 provas com recordes mundiais na carreira. Esse foi o sexto recorde mundial consecutivo dela na prova dos 1.500 metros, especialidade da norte-americana, que não perde uma disputa dessa distância desde 2010. Já são 19 conquistas.

atleta assombrou o mundo da natação no Rio de Janeiro, onde conquistou quatro ouros e uma prata e tornou-se a atleta dos Estados Unidos com o melhor desempenho em uma única edição de Olimpíadas. Isso tudo aos 19 anos, na época. Antes, porém, já havia conquistado uma medalha de ouro em Londres-2012, ainda mais jovem. Em Mundiais, Ledecky coleciona nove títulos em duas edições disputadas (Barcelona-2013 e Kazan-2015).