Futebol

Kayon revela emoção em voltar aos gramados e reforça confiança na busca pelo título estadual

Atacante não entrava em campo desde maio de 2023, quando sofreu uma lesão no joelho direito

Kayon, atacante do NáuticoKayon, atacante do Náutico - Foto: Gabriel França/CNC

De joelhos, o atacante Kayon saiu de uma ponta a outra do gramado dos Aflitos. O agradecimento não foi pelo resultado da partida, já que o Náutico saiu derrotado por 2x0 para o Sport, no duelo de ida da final do Campeonato Pernambucano. Acontece que, mesmo com o placar adverso, o prata da casa alvirrubro teve motivos para comemorar. 

Kayon não entrava em campo desde o dia 2 de maio de 2023, na estreia do Náutico na Série C do Campeonato Brasileiro, contra o Manaus, na Arena da Amazônia. Na ocasião, o atleta sofreu uma ruptura do ligamento cruzado do joelho direito. Foram 10 meses de espera até retornar a campo e, enfim, cumprir a promessa.

“Infelizmente, ficamos frustrados (pela derrota), mas foi positivo retornar. No final do jogo, aquilo (atravessar o campo de joelhos) foi uma promessa que fiz. Falei que no primeiro jogo que eu entrasse no gramado, eu atravessaria de joelho, mesmo sendo em casa ou fora. Mesmo saindo com a derrota, eu paguei a promessa”, explicou. 

A oportunidade de reestrear pelo Náutico foi dada pelo técnico Allan Aal, mas, no próximo sábado (6), no jogo da volta da final do Pernambucano, o comando do Timbu estará com Mazola, treinador anunciado nesta terça (2). Uma mudança que pode mexer no esquema titular e, quem sabe, abrir mais espaço para Kayon.

“Pelo fato de ser um novo treinador, todos estarão brigando por espaço. Pode ser uma oportunidade, com todos começando do zero, sendo possível retornar à titularidade. Mas tudo dentro do que o departamento médico tem a propor”, explicou, frisando que segue confiante na busca pelo título.

“Infelizmente, a gente se colocou nessa situação. Não jogamos a toalha. O torcedor pode ficar tranquilo porque sabemos que temos capacidade para se sobressair nessa situação. Como eles ganharam da gente em casa, nós também podemos ganhar deles”, completou.

 

Veja também

"Não hesitei", comenta Chico sobre sentimento de retornar ao Sport após três meses no Novorizontino
Em casa

"Não hesitei", comenta Chico sobre sentimento de retornar ao Sport após três meses no Novorizontino

Betão é o novo diretor técnico de futebol do Náutico
Futebol

Betão é o novo diretor técnico de futebol do Náutico

Newsletter