Lembranças do 1º turno que tornam obstáculo ainda mais difícil para o Santa Cruz

Com o rebaixamento praticamente certo, separado apenas pela matemática, esse aspecto também servirá de motivação

Ronnie: entendimento tem que se estender a todosRonnie: entendimento tem que se estender a todos - Foto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco

 

Nas últimas quatro partidas que o Santa Cruz terá pela frente na Série A, apenas dois pontos seriam necessários para a equipe superar a campanha do clube em 2006 - último ano tricolor na competição. Tarefa, essa, teoricamente fácil. Um fato, no entanto, tende a deixar este obstáculo um pouco mais complicado. No primeiro turno, diante dos mesmos adversários, só um empate foi conquistado: 0x0 diante do Grêmio, em Porto Alegre. Com o rebaixamento praticamente certo, separado apenas pela matemática, esse aspecto também servirá de motivação.
O próximo adversário tricolor será o Coritiba, quarta-feira, no estádio Couto Pereira. Com 42 pontos, a quatro do Internacional, primeira equipe na zona de rebaixamento, o Coxa ainda luta para se livrar da degola. No primeiro turno, a equipe venceu o Santa Cruz por 1x0, no estádio do Arruda. Em sequência, à época, o time foi goleado pelo Atlético/MG (3x0), empatou com o Grêmio (0x0) e voltou a perder para o São Paulo (2x1). Importante destacar que mineiros e gaúchos estão lutando por vagas na Libertadores e pré-Libertadores, respectivamente.

Em 2006, o Santa Cruz terminou a competição na laterna, com 28 pontos. Foram sete vitórias, sete empates e 24 derrotas. Este ano, 27 pontos já foram conquistados, com sete vitórias, seis empates e 21 derrotas. Há dez anos, a despedida tricolor foi apenas com derrotas: São Caetano (3x0), Grêmio (3x1), Fluminense (2x1) e Santos (3x1).

Sequência
Para o jogo da próxima quarta-feira, o técnico interino Adriano Teixeira ganhou o reforço de Allan Vieira, recuperado de uma lesão na coxa. Apesar disso, Roberto ganhou a disputa pela posição e seguirá vestindo a camisa 6 do Santa Cruz. “Joga Roberto. Ele vem jogando bem. Seria injusto da minha parte colocar Allan, que vem treinando forte e se recuperando bem”, disse o treinador. Esta será a quarta partida seguida como titular do lateral, sendo a décima com a camisa do Santa Cruz na temporada.

 

Veja também

De olho no pelotão de cima, Sport recebe Corinthians, na Ilha
Campeonato Brasileiro

De olho no pelotão de cima, Sport recebe Corinthians, na Ilha

DAZN: Clássico turco e duelo tradicional da Inglaterra são destaques
AGENDA

DAZN: Clássico turco e duelo tradicional da Inglaterra são destaques