Futebol

Leston agradece apoio dos atletas após saída do Santa Cruz

Vários jogadores se posicionaram nas redes sociais contra a demissão do treinador e do agora ex-executivo de futebol do clube, Marcelo Segurado

Leston Júnior, técnico do Santa CruzLeston Júnior, técnico do Santa Cruz - Foto: Rafael Melo/Santa Cruz

Quando o Santa Cruz comunicou nas redes sociais a saída do técnico Leston Júnior e do executivo de futebol, Marcelo Segurado, após o desabafo da dupla com relação à problemas financeiros e administrativos do clube, diversos atletas da equipe se posicionaram via rede social lamentando a saída dos profissionais e, em alguns casos, deixando no ar uma possibilidade de também deixarem o clube. Posicionamento que Leston observou como sinal de respeito e carinho.

“Foi uma manifestação voluntária e a maior demonstração que eles sempre deram foi o carinho e o respeito comigo, com a comissão e com o clube. Futebol tem muita coisa que às vezes é dita, mas não condiz com a verdade. Li algumas vezes que o grupo se voltou contra a chegada de jogadores, mas o último ato demonstra o quanto esses atletas foram leais o tempo todo. Ao clube e ao comando, com quem estava à frente do processo”, afirmou.

O treinador esteve nesta tarde no Arruda e voltou a lamentar o posicionamento do clube, citando que deixa o Santa Cruz “melhor do que encontrou”, ao ter conquistado uma vaga à Série D do Campeonato Brasileiro de 2023.

“Eu me sinto privilegiado porque nem fiz tanto assim para ter esse carinho e respeito do torcedor. Gostaria de retribuir tudo isso, mas não foi possível. Deixamos um legado porque, quando chegamos, o clube não tinha divisão ou calendário. Não conquistamos isso porque algum time deu essa vaga, mas sim porque ficamos em terceiro na primeira fase (do Campeonato Pernambucano). Saio deixando o clube melhor do que quando cheguei. É uma conquista invisível para muita gente, mas para quem sabe o que é o dia a dia do futebol, vê que tem uma representatividade grande”, ressaltou.

Veja também

Tandara se defende de suspensão por doping: "Condenada por algo que não fiz"
Vôlei

Tandara se defende de suspensão por doping: "Condenada por algo que não fiz"

"Não tem para quê ter pressa", comenta Yuri Romão sobre pagamento da Salernitana ao Sport por Mikael
Futebol

"Não tem para quê ter pressa", comenta Yuri Romão sobre pagamento da Salernitana ao Sport por Mikael