Leston indica manutenção de base do Santa para estreia no PE

Técnico do Santa Cruz não revela escalação para a largada no Estadual, contra o América, mas garante repetição do esqueleto do time que empatou em 0x0 com o Botafogo/PB, na primeira partida oficial em 2019

Leston conseguiu encaixar peças e definir base titularLeston conseguiu encaixar peças e definir base titular - Foto: Santa Cruz/divulgação

Após o penúltimo treinamento antes da estreia no Campeonato Pernambucano, contra o América, o técnico Leston Júnior não confirmou a escalação do Santa Cruz para a partida de domingo (20), na Arena PE, às 16h, com mando dos tricolores. Mesmo sem revelações, o treinador adiantou que a tendência é que a base da equipe titular que disputou o primeiro jogo da temporada 2019 – 0x0 com o Botafogo/PB, no estádio Almeidão, em Campina Grande –, seja mantida para a largada no Estadual.

Leia também: 

Leston lamenta estreia do Santa como mandante na Arena PE 

Na Arena PE, Santa Cruz treina com novidade no meio de campo 

Retrospecto favorável: Santa tem boas lembranças da Arena PE 

Santa estreia como mandante em 2019 na Arena de Pernambuco 

A única mudança na formação deve ser a entrada do meia Allan Dias, regularizado e titular absoluto na pré-temporada, na vaga de Hericles, lesionado. No treino, o Santa foi esboçado com a seguinte formação: Ricardo Ernesto; Marcos Martins, Danny Morais, Vitão e Bruno Ré; Charles, Diego Lorenzi e Allan Dias; Elias, Neto Costa e Augusto.

“Nesse primeiro momento não vamos ficar mudando muito porque estamos no início de trabalho. No começo do ano, nada substitui o jogo. Então, vamos ter que repetir ao máximo. Às vezes essa equipe não é a ideal para toda a temporada, mas se não repetir uma base vou retardar o processo de ganho de padrão de jogo. Quando a gente já tiver um padrão definido e uma forma de jogar mais elaborada, as trocas aconteceram de forma natural. A tendência é que a gente reproduza na escalação aquilo que nós fizemos ao longo da pré-temporada”, declarou o comandante tricolor, em entrevista coletiva.

O treinador Leston Júnior comemorou a regularização de Allan Dias, de 30 anos. Ambos trabalharam juntos no Botafogo/PB no ano passado. O meia havia perdido a estreia oficial do Santa na temporada por conta de um imbróglio judicial com o Joinville/SC, ex-clube.

“Com o Allan (Dias), a gente ganha mais uma opção e passa a ter um jogador com uma característica diferente. Na nossa montagem, lá atrás, nos objetivamos isso. Ele tem uma capacidade de retenção ofensiva porque é jogador que consegue fazer o time ficar com a bola no campo de ataque por sua força e condição física. Ele traz uma situação ofensiva mais aguda. É importante tê-lo à disposição”, pontuou o técnico.

Desfalques 

Além do meia Hericles, o atacante Pipico segue entregue ao Departamento Médico do clube por conta de uma lesão grau um na posterior da coxa esquerda. O centroavante pode perder, além da partida contra o América, mais dois jogos - Flamengo de Arcoverde (Pernambucano) e Bahia (Copa do Nordeste).  

Veja também

Destaque contra o Bahia, Ewerthon vê Sport se livrando da queda: 'vamos ganhar três ou quatro'
Sport

Destaque contra o Bahia, Ewerthon vê Sport se livrando da queda: 'vamos ganhar três ou quatro'

Hélio dos Anjos terá reunião nesta quarta (27) para tratar de renovação com o Náutico
Futebol

Hélio dos Anjos terá reunião nesta quarta (27) para tratar de renovação com o Náutico