Futebol

Liverpool massacra United com Salah em ritmo de melhor do mundo

A equipe de Jurgen Klopp segue na segunda posição e na perseguição ao líder Chelsea, 21 contra 22 pontos.

Salah marcou três gols no jogoSalah marcou três gols no jogo - Foto: Olif Scarff/AFP

Leia também

• Neymar se recupera e pode atuar no duelo PSG x Olympique Marseille

• Com golaço de Alaba e Camp Nou lotado, Real vence o Barcelona pelo Espanhol

Um dos maiores clássicos do futebol mundial ganhou um capítulo histórico neste domingo (24). No estádio do Manchester United, o Old Trafford, o Liverpool venceu os donos da casa por 5 a 0, igualando sua maior goleada em toda a história contra o rival.

O nome do jogo foi o egípcio Mohamed Salah, visto por muitos como melhor jogador do mundo neste momento. O camisa 11 do Liverpool deu o passe para o primeiro gol, de Keita, aos cinco minutos de jogo, e marcou outros três -ultrapassando Drogba e se tornando o africano mais goleador da história da Premier League. Diogo Jota completou o marcador. Salah chegou ao 10º jogo seguido balançando as redes. Em 12 partidas disputadas na temporada 2021/22, tem 15 gols. Não marcou em apenas um duelo.

Ainda nos primeiros minutos do clássico, Bruno Fernandes perdeu uma chance clara de abrir o placar para os donos da casa. De lá em diante, a partida foi um massacre dos visitantes. Já no intervalo a partida estava 4 a 0. Com 14 minutos da segunda etapa, Pogba, que entrou no intervalo, foi expulso. Aos 20 minutos, uma câmera do lado de fora do estádio registrou centenas de torcedores deixando o estádio.

Cristiano Ronaldo pouco apareceu e ainda iniciou uma confusão ao chutar a bola em um adversário, irritado após uma falta marcada. Conseguiu balançar as redes, quando o duelo já estava 5 a 0, mas o gol foi anulado por impedimento com ajuda do VAR. A derrota acachapante aumenta e muito a pressão sobre o técnico do United, Ole Gunnar Solskjaer.
Durante a partida, torcedores do Liverpool presentes no setor de visitante do estádio cantavam ironicamente pela sua permanência.

Ele já vinha sendo criticado nos últimos jogos, mas vitórias com viradas improváveis (como contra o Villarreal ou a Atalanta, sempre com participação de Cristiano Ronaldo) davam algum alento ao treinador. Com a derrota, o United fica apenas na sétima posição do Campeonato Inglês, três pontos atrás da zona de classificação para a Champions League. Já o Liverpool segue na segunda posição e na perseguição ao líder Chelsea, 21 contra 22 pontos.

Veja também

Indicada ao Prêmio Inspire, Etiene Medeiros quer motivar outras mulheresReconhecimento

Indicada ao Prêmio Inspire, Etiene Medeiros quer motivar outras mulheres

Sport supera marcas de outras quedas e soma mais de um turno sem fazer golsSport

Sport supera marcas de outras quedas e soma mais de um turno sem fazer gols