Luis Fabiano chega a acordo com Vasco e pode se aposentar

O departamento jurídico cruzmaltino e do atleta finalizam os trâmites burocráticos para anunciar o trato

Luís Fabiano conviveu com lesões no clube cariocaLuís Fabiano conviveu com lesões no clube carioca - Foto: Paulo Fernandes/Vasco da Gama

Luís Fabiano está de malas prontas para deixar o Vasco. Após rodadas de reuniões, as partes chegaram a um acordo para rescindir o contrato do atacante que iria até fevereiro de 2019.

O clube devia pouco mais de R$ 1 milhão ao jogador e irá parcelar a dívida em 30 vezes, conforme revelado pelo UOL Esporte no último sábado (3).

O departamento jurídico cruzmaltino e do atleta finalizam os últimos trâmites burocráticos para anunciar oficialmente o trato.

Convivendo com seguidas lesões e cirurgias no joelho direito, Fabuloso não descarta a aposentadoria. O prazo de retorno aos gramados é de pelos menos três meses. Porém, em outras oportunidades no Vasco em que estava "apto" a voltar, sentiu novamente dores no local.

Luís Fabiano tem se tratado no Reffis do São Paulo e não está descartado um retorno ao clube onde fez história.

Outra possibilidade, caso não se aposente, é a Ponte Preta, equipe onde foi revelado e que já declarou por diversas vezes ter vontade de encerrar a carreira. O atacante, inclusive, tem residência em Campinas (SP).

Com as saídas dos medalhões Luís Fabiano, Nenê e Anderson Martins, o Vasco deu uma aliviada na folha salarial e pode surgir com reforços. Nesta terça-feira (7), por exemplo, o clube acertou o empréstimo de Giovanni Augusto, do Corinthians. O meia é aguardado nesta quinta (8) para exames médicos.

Técnico cruzmaltino, Zé Ricardo afirmou esta semana que não solicitará nomes para substituir Fabuloso. O time, atualmente, conta para o setor com Andrés Rios e Riascos.
Luís Fabiano chegou ao Vasco em fevereiro de 2017, disputou 20 partidas e fez seis gols.

Veja também

Náutico confirma contratação do meia Marcos Vinícius
Futebol

Náutico confirma contratação do meia Marcos Vinícius

Defesa de Carol Solberg recorrerá de advertência por 'fora, Bolsonaro'
Manifestação

Defesa de Carol Solberg recorrerá de advertência por 'fora, Bolsonaro'