A-A+

Magic volta aos playoffs da NBA depois de sete anos

Franquia de Orlando supera dificuldades de outras temporadas e se classifica na Conferência Leste da liga

Evan Fournier e Terrence Ross comemorando a classificação do Orlando Magic aos playoffs da NBAEvan Fournier e Terrence Ross comemorando a classificação do Orlando Magic aos playoffs da NBA - Foto: Maddie Meyer / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / A

Depois da vitória de 116x108 sobre o Boston Celtics neste domingo (7), o Orlando Magic se garantiu nos playoffs e quebrou a terceira maior sequência de franquias sem ir a pós-temporada da NBA, atualmente. Essa foi a primeira classificação do Magic desde a saída do pivô Dwight Howard, em 2012. Foram sete temporadas fora dos playoffs e sem protagonismo na liga.

Depois da ida do “Superman” para o Los Angeles Lakers, o Magic acumulou rotineiros fracassos. Com exceção da temporada 2015-2016 (11°), a equipe ficou entre as três últimas da Conferência Leste. Mesmo assim em nenhuma oportunidade a franquia da Flórida ficou com a primeira escolha do Draft. Sua melhor posição na loteria foi em 2013, quando selecionaram o ala Victor Oladipo, que não vingou na equipe e depois de duas trocas se tornou um All-Star e principal estrela do Indiana Pacers.

No início da temporada a contratação do treinador Steve Clifford, que tinha acabado de ser demitido pelo Charlotte Hornets, foi vista com desconfiança pelos torcedores do Magic. Mas, o americano já conhecia a franquia de Orlando e não decepcionou. Ele trabalhou nos tempos dourados da equipe, entre 2007 e 2012. Quando o time foi aos playoffs em todos os anos.

Clifford tinha levado o Hornets à pós-temporada em dois dos cinco anos em que esteve dirigindo a franquia. Mesmo sem ter um elenco recheado de estrelas, ele conseguiu deixar sua equipe entre as melhores defesas da liga, quando por lá esteve. No Orlando não foi diferente. O estilo de jogo do time se caracterizou pela marcação quase sempre encaixada e artilharia ferrenha nas bolas de três pontos. Faltando um jogo para terminar a temporada a equipe possui a oitava melhor defesa da NBA.

Nikola Vucevic foi um dos principais nomes na temporada. Ele conseguiu elevar seu nível a ponto de se tornar a referência técnica da equipe e um All-Star. Além disso, o pivô é candidato ao prêmio de Most Improved Player (jogador que mais evoluiu na temporada). Além dele, Terrence Ross foi outra novidade. O ala de 28 anos foi uma das grandes surpresas da liga. Desde sua chegada à NBA, ele nunca tinha sido tão constante. Nesta temporada ele possui médias de 14.9 pontos e 39.9% de aproveitamento nas bolas de três. Isso representa as melhores estatísticas da sua carreira.

A última partida da temporada regular do Orlando Magic será contra o Charlotte Hornets (ex-equipe de Steve Clifford), nesta quarta-feira (10). A tendência é que a rotação seja um pouco alterada, em decorrência da proximidade dos playoffs. Que já começa no próximo sábado (13).

Veja também

Quase 300 mil novos candidatos se inscreveram no Enem com gratuidade, diz Inep
ENEM

Quase 300 mil novos candidatos se inscreveram no Enem com gratuidade, diz Inep

Eliminatórias: Brasil e Uruguai terá público na Arena da Amazônia
Futebol

Eliminatórias: Brasil e Uruguai terá público na Arena da Amazônia