CR7 e Messi
CR7 e MessiFoto: AFP

Os jogadores de futebol Messi e Cristiano Ronaldo, que nos últimos anos têm se alternado no posto de melhores do mundo, já doaram 1 milhão de euros cada um a hospitais para ajudar no combate à Covid-19.

No caso do craque argentino, o valor foi dividido entre uma instituição de saúde de Barcelona e outra de Rosário, sua cidade-natal.

Leia também:
Federer anuncia doação milionária em meio à pandemia
Manchester City e Manchester United se unem para doar alimentos
Devido ao Covid-19, corrente de solidariedade cresce na NBA

A Espanha já registra mais de 3.400 mortes, o que pressiona enormemente o sistema de saúde do país. Os casos tem crescido especialmente na região da Catalunha.
Ronaldo, que defende a Juventus (ITA), e seu agente, Jorge Mendes, fizeram suas doações para dois hospitais nas cidades portuguesas Lisboa e Porto.

Os campeonatos Espanhol e Italiano, assim como a Champions League, estão suspensos em razão da pandemia e ainda não têm uma data marcada para retornarem.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: