Logo oficial do Campeonato Brasileiro de Counter-Strike: Global Offensive
Logo oficial do Campeonato Brasileiro de Counter-Strike: Global OffensiveFoto: CBCS/Divulgação

O Campeonato Brasileiro de Counter-Strike (CBCS) confirmou todas as equipes que disputarão, que terá início no próximo dia 25 de julho. Imperial eSports, Team Reapers e a Uppercut eSports foram anunciadas como as organizações que completarão o torneio.

Antes deles, haviam sido anunciados Black Dragons, Evidence, INTZ, Redemption e Skullz Gaming (ex-Progaming). As oito equipes farão parte da primeira temporada do CBCS que terá início na próxima quinta-feira, dia 25 de julho, na GameXP no Rio de Janeiro.

A Imperials eSports, formada por veteranos do cenário, iniciou sua jornada em 2015 e ao longo dos anos, a equipe foi engajando em diversas modalidades, principalmente nas modalidades FPS, seguindo os passos de um dos seus fundadores Felipe “Felipe1” Martins.

Por outro lado, a Team Reapers, fundada em 2018, aposta na experiência com as contratações de João "horvy" Horvath e Lucas "Lucaozy" Neves na equipe. Além dos dois times, uma estreante no Counter-Strike, é a Uppercut eSports. Fundada em 2016 e é gerenciada por membros do grupo Ilha da Macacada, a organização possui operação no League of Legends, disputando o CBLoL.

Leia também
CS:GO: Black Dragons anuncia line-up feminina para o Campeonato Brasileiro
Com premiação de R$ 800 mil, Campeonato Brasileiro de CS:GO é anunciado
CS:GO: Sharks faz mudanças na line-up após Americas Minor

FORMATO

Em 2019, serão duas temporadas com a premiação e o bônus de participação somados chegam a R$ 420 mil, uma vez que o campeonato terá início no segundo semestre do ano e o time campeão da Liga receberá também uma vaga no StarSeries i-League Season 8.

Em 2020, com todas as temporadas da CBCS, o valor chega a R$ 800 mil, além de vagas internacionais.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: