JUSTIÇA

Manipulações: Igor Cariús, do Sport, é absolvido pelo STJD; Paulo Miranda e mais seis são condenados

Julgamento aconteceu nesta quinta-feira (1º), por meio da 4ª Comissão Disciplinar

Igor Cariús foi o único jogador de futebol absolvido no julgamento desta quinta-feira (1º)Igor Cariús foi o único jogador de futebol absolvido no julgamento desta quinta-feira (1º) - Foto: Divulgação/Sport Club do recife (SCR)

Dos oito jogadores de futebol julgados nesta quinta-feira (1º) pela 4ª Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), acusados de envolvimento com manipulações em partidas do Campeonato Brasileiro e em cinco estaduais na temporada passada, apenas o lateral-esquerdo Igor Cariús, atualmente no Sport, foi inocentado.

Cariús foi acusado de ter sido pago para levar cartões amarelos em dois jogos da Série A do ano passado, contra o Ceará e o Palmeiras, quando ainda defendia o Cuiabá. Ele teve documentos, computador e celular apreendidos pelo Ministério Público de Pernambuco (MPPE), através de um mandado de busca e apreensão. Ele foi absolvido por falta de provas.

Em contraste, entre os sete condenados, está o ex-Náutico, o zagueiro Paulo Miranda, que pediu demissão do Alvirrubro após o seu nome vir a público como um dos suspeitos. Ele, que atualmente tem 34 anos e está sem clube, agora terá que pagar uma multa no valor de R$ 70 mil, além de cumprir mil dias de suspensão.

Paulo Miranda é acusado de ter levado um cartão amarelo diante do Fortaleza, ainda pela época em que defendia o Juventude. Diretamente do vestiário do clube, ele fez uma chamada de vídeo com - o também condenado - Gabriel Tota e um dos responsáveis pela quadrilha de manipulação e já detido pela polícia, Bruno Lopez

Print de chamada de vídeo feita entre Paulo Miranda, Gabriel Tota e o chefe da quadrilha, Bruno Lopez. (Foto: Reprodução/Ministério Público de Goiás)

O meio-campista Gabriel Tota, aliás, foi quem teve a maior pena da lista. Além de ter que pagar R$ 50 mil em multa, ele foi banido do futebol. Ele participou dos esquemas de manipulação e foi um dos responsáveis por atrair mais atletas à prática criminosa.

Abaixo, confira o resultado de cada julgamento
Igor Cariús (Sport)
: absolvido
Eduardo Bauermann (Santos): 12 jogos de suspensão
Gabriel Tota (Ypiranga-RS): banimento e pagamento de multa de R$ 30 mil
Matheus Gomes (sem clube): banimento e pagamento de multa de R$ 10 mil
Moraes (Aparecidense-GO): 760 dias de suspensão e pagamento de multa de R$ 55 mil
Paulo Miranda (ex-Náutico): 1.000 dias de suspensão e pagamento de multa de R$ 70 mil
Kevin Lomónaco (Bragantino): 380 dias de suspensão e pagamento de multa de R$ 25 mil
Fernando Neto (São Bernardo): 380 dias de suspensão e pagamento de multa de R$ 15 mil

Veja também

Náutico tem segunda melhor sequência invicta da Série C 2024
Futebol

Náutico tem segunda melhor sequência invicta da Série C 2024

Melhor do mundo em 2020, Lucy Bronze deixa Barcelona e assina com o Chelsea
Futebol

Melhor do mundo em 2020, Lucy Bronze deixa Barcelona e assina com o Chelsea

Newsletter