Mano Menezes tranquiliza Fred sobre gols no Cruzeiro

Atacante anotou um gol e seis jogos, e técnico crer que o atleta passará a marcar em breve

Mano Menezes, técnico cruzeirenseMano Menezes, técnico cruzeirense - Foto: Washington Alves/Cruzeiro/Divulgação

O desempenho de Fred no Cruzeiro -um gol em seis jogos- não é uma preocupação para Mano Menezes. O técnico disser crer que o atleta passará a marcar em breve e ainda alfinetou a forma de agir da imprensa em relação à multa do centroavante com o Atlético-MG.

Questionado sobre a expectativa da imprensa e da torcida em relação aos gols feitos pelo camisa 9, o treinador declarou: "Não acho que a imprensa está tão preocupada com os gols do Fred, estão mais preocupados com a multa [ao Atlético-MG]. Quando me perguntam sobre isso, digo que esse assunto se resolve, assim como os gols dele também".

"O fato de demorar um pouquinho ou menos não é o mais importante. O importante é que ele está jogando bem. Ele se encaixou na maneira da equipe jogar e fez um dos gols mais importantes até agora", acrescentou.

A declaração de Mano Menezes é devido à cobrança do Atlético em relação à multa rescisória do jogador. Os mineiros exigem R$ 10 milhões do centroavante pelo fato de ele ter assinado contrato com o Cruzeiro antes de 31 de dezembro de 2018.

Ao rescindir o compromisso com o Atlético, Fred se dispôs a pagar o valor ao ex-clube no dia seguinte à publicação do novo acordo no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF.

A situação, que se arrasta há quase dois meses, é estudada pela CNRD (Câmara Nacional de Resolução de Disputas) do órgão que rege o esporte no país e não tem previsão para um desfecho.

Veja também

Com vitória do Atlético/GO, Sport "seca" Juventude para não ter rebaixamento decretado na terça (30)Futebol

Com vitória do Atlético/GO, Sport "seca" Juventude para não ter rebaixamento decretado na terça (30)

Florentín lamenta ausência de Renato Gaúcho em jogo: "queria olhar na cara como homem"Futebol

Florentín lamenta ausência de Renato Gaúcho em jogo: "queria olhar na cara como homem"