Maradona diz não confiar na Argentina por causa de Sampaoli

"Acredito nos jogadores, mas no técnico não confio", disparou Maradona em sua apresentação como presidente do Dynamo Brest, da Bielorrússia, nos Emirados Árabes

Maradona deixou o hospital Maradona deixou o hospital  - Foto: AFP

Figura das mais controversas, Diego Maradona voltou a chamar atenção nesta quarta-feira (23) ao avaliar as chances da seleção argentina na Copa do Mundo na Rússia. O craque deu apoio aos atletas convocados, mas admitiu ter "muitas dúvidas" quanto aos resultados no Mundial e não poupou o técnico Jorge Sampaoli de críticas.

"Acredito nos jogadores, mas no técnico não confio", disparou o ex-camisa 10 durante a sua apresentação como presidente do Dynamo Brest, da Bielorrússia, em evento realizado nos Emirados Árabes. As críticas de Maradona são de ordem tática.

"[A Argentina] Não tem um jogo definido, nem coluna vertebral quando ataca ou defende. Na entrevista coletiva de segunda-feira [Sampaoli] disse que vai jogar em um 2-3-3-2, e isso é um disparate", argumentou o ex-jogador e treinador da seleção argentina. "É ridículo. Não se joga assim desde a década de 1930."

Leia também:
Argentina lança vídeo motivacional para a Copa do Mundo
Sampaoli convoca Argentina com 8 remanescentes de 2014
Argentina distribui manual para 'conquistar russas'
Argentina: Messi 'La Pulga' tem mais uma chance nesta Copa
Maradona apoia Guerrero e se diz livre das drogas há 14 anos

O descontentamento tira a confiança de Maradona no time argentino como um todo. "Para uma seleção que não tem experiência, líderes e esquema de jogo, parece que estamos arriscando muito prestígio", alertou, dizendo ter "muitas dúvidas" quanto ao desempenho da equipe, mas deixando claro que o culpado por suas poucas esperanças é Sampaoli.

"O problema não são os jogadores, é quem os guia, é quem coloca na cabecinha deles o que têm que fazer dentro de campo. Porque se o técnico é pouco claro em seus conceitos, os jogadores não podem fazer milagres", alfinetou Maradona.

Veja também

Brasil se impõe e goleia Peru em noite de testes de Tite
Copa América

Brasil se impõe e goleia Peru em noite de testes de Tite

Triênio e remuneração dos gestores: Conselho do Náutico propõe mudanças no Estatuto
Futebol

Triênio e remuneração dos gestores: Conselho do Náutico propõe mudanças no Estatuto