Medalhista olímpica, Poliana Okimoto é superada e fica fora de Mundial

Nadadora brasileira ficou atrás de Ana Marcela Cunha e Viviane Jungblut, na seletiva nacional realizada nesta quinta-feira, em Foz do Iguaçu

Única medalhista do país em esportes aquáticos nos Jogos do Rio, Poliana Okimoto, 34, não conseguiu classificação para disputar a prova dos 10 km no Mundial de Budapeste, em julho. A distância é única que faz parte do programa olímpico. Na Rio-2016, a paulistana terminou em quarto lugar, mas foi beneficiada pela desclassificação da francesa Aurelie Muller. 

Na seletiva nacional realizada nesta quinta-feira (11), em Foz do Iguaçu, Poliana ficou atrás de Ana Marcela Cunha, que triunfou, e Viviane Jungblut, de 21 anos.
A medalhista olímpica é uma das maratonistas aquáticas mais regulares do mundo. Foi ao pódio nos Mundiais de Roma-2009 (bronze nos 5 km) e Barcelona-2013 (ouro nos 10 km, prata nos 5 km e bronze nos 5 km por equipe), além de ter vencido a Copa do Mundo da modalidade.

No sábado (13), ela terá chance de tentar vaga no Mundial de Budapeste na prova dos 5 km, que não é olímpica. Ana Marcela, que era favorita a medalha nos Jogos do Rio e acabou longe do pódio, superou as rivais sete meses após passar por cirurgia para remoção do baço. Ela sofria de doença autoimune que fazia despencar seu número de plaquetas.

"Fico muito feliz por ter ganho essa prova e ter me classificado para o Mundial", disse a baiana, que terminou a prova em 2h05min36, quatro segundos à frente da medalhista olímpica.

Além da satisfação de obter sua vaga, ela elogiou Poliana. "O que a Poliana fez e continua fazendo pelo Brasil e pelo nosso esporte é mágico e importantíssimo", afirmou. No masculino, Fernando Ponte e Allan do Carmo se classificaram para representar o Brasil no Mundial da Hungria.

Veja também

Palmeiras goleia Corinthians e acaba com série invicta do rival
Campeonato Brasileiro

Palmeiras goleia Corinthians e acaba com série invicta do rival

Ingressos da Olimpíada viram dilema para familiares de atleta e grupo de fãs
Olimpíada

Ingressos da Olimpíada viram dilema para familiares de atleta e grupo de fãs